Tamanho do texto

Pessoas com poucos pelos ou muitas falhas estão recorrendo a microblading para conseguir as sobrancelhas perfeitas

São as sobrancelhas que delineiam o nosso olhar e nos fazem parecer mais alegres, confiantes, tristes ou até mesmo desanimados. É por isso que cada vez mais as pessoas têm se rendido a mais uma técnica que pode deixar essa parte tão importante do nosso rosto ainda mais bonita: a microblanding.

+ Soro fisiológico nos cabelos? Conheça os benefícios da técnica

Microblading: a técnica que corrige as sobrancelhas
Divulgação
Microblading: a técnica que corrige as sobrancelhas

A microblanding já é bastante conhecida internacionalmente, mas no Brasil foi só no último ano que ela ganhou o seu espaço entre os tipos de dermopigmentações de sobrancelhas . O expert Adriano Nichetti, do salão Adriano e André Cabeleireiros, é o responsável por essa técnica. O processo leva em torno de uma hora e traz resultados imediatos!

Esse tipo de micropigmentação é muito indicado para quem tem falhas ou falta de pelos por qualquer razão e pode ser feita em homens, mulheres e até em idosos, que sentem mais essa perda com o passar dos anos.

+ Unhas encravadas: dicas de como cuidar e prevenir esse mal

Como funciona

A ferramenta usada para fazer a microblanding é chamada de tebori, um nome de origem japonesa que quer dizer “ferramenta de mão”. Esse objeto lembra uma caneta com uma pequena lâmina na ponta, que faz pequenos cortes, já que o processo é parecido com uma tatuagem.

A técnica é a que tem o resultado mais natural encontrado hoje no mercado, pois desenha os pelos fio a fio! Durante o processo e logo após o término, os fios parecem um pouco menores do que um pelo de verdade, isso porque com a cicatrização ele mudará um pouco, ficando muito parecido com o natural.

Escolha da cor

Para que o resultado final fique perfeito, o tom do pigmento utilizado precisa ser bem semelhante ao tom dos pelos da pessoa. “São usadas tinturas próprias para pele, pigmentos diferentes para cada pessoa, de acordo com a cor da pele e os pelos. Em uma loira usamos um tom mais claro, já em uma morena é usado um tom mais escuro e ainda podemos misturar os pigmentos para chegar o mais próximo possível da cor dos pelos naturais”, afirmou Adriano Nichetti.

Duração

A duração da microblanding é de até dois anos, dependendo do tipo de pele, os produtos que a pessoa usa no dia a dia e como foi cuidado durante a cicatrização.

+ Colágeno hidrolisado: deixa a pele firme, protege os ossos e até ajuda na dieta

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.