Há muitas possibilidades para modificar os fios, seja para deixar mais liso, mais encaracolado, mais ou menos volumoso. Mas e quando cansamos e resolvemos voltar para o natural? Essa transição não é um procedimento rápido, mas com persistência e alguns cuidados especiais pode valer muito a pena. Cada vez mais, cresce o número de brasileiras que decidem assumir os cabelos como vieram ao mundo.

A atriz Cris Vianna é adepta do cabelo natural, assumindo os longos cachos
Divulgação / TV Globo
A atriz Cris Vianna é adepta do cabelo natural, assumindo os longos cachos


Cabelos naturais dão uma aparência saudável e jovem e são uma ótima pedida para quem não quer mais depender de químicas. Além, é claro, de aumentar a autoestima e garantir um estilo único para donos dos fios enroladinhos, crespos, lisos ou ondulados. 

Os cuidados para o início do processo para retornar ao natural são importantes para ter bons resultados. Para Wanderley Nunes, um dos principais hairstyle do Brasil, devemos adotar a técnica com a qual possuímos mais afinidade. Para ter um bom resultado, um corte que combine com o estilo de cabelo natural é essencial.

O que fazer

Algumas pessoas optam pelo Big Chop, técnica que consiste em cortar toda a parte com química do cabelo e deixar o resto crescer. “Acredito que tal radicalização seja apenas para quem tem muita pressa, ou quer ter um cabelo mais curto mesmo. Se não, é desnecessária”, destaca o cabeleireiro.

Você viu?

Transição

Calma, também é possível ser menos radical nesse momento. É posível optar por uma transição gradativa, que irá eliminar aos poucos a química dos fios com técnicas variadas. 

Durante a transição é preciso tomar cuidados, como no momento da lavagem. “Nesse sentido, o melhor é perguntar ao seu cabeleireiro qual é seu tipo de cabelo exato e usar xampu, condicionador e cremes indicados para ele”, explica Wanderley Nunes.

Já para a hora de sair de casa, alguns truques clássicos podem ajudar a quem está praticando o desapego de alisamentos e produtos fortes. “Para quem não quer deixar o novo cabelo muito aparente, reparadores de ponta, geleias e cremes para pentear são indispensáveis. Vale, até mesmo, a escova e a chapinha. Porém, é preciso lembrar que o excesso desses procedimentos também estragam os fios”, ressalta o cabeleireiro.

Fios ressecados

Ao longo desse processo de mudança, os fios podem ficar ressecados. Para quem tem cabelos mais secos, o ideal é, na hora da lavagem, abusar do condicionador. Xampu a seco são muito bem-vindos também. É importante lembrar que os cuidados são redobrados e devem ser feitos diariamente.

“O aumento na quantidade de lavagens acaba acontecendo naturalmente e é bastante indicado para quem está assumindo o cabelo natural. Hidratar sempre que possível é importante para garantir o crescimento saudável”, explica Wanderley Nunes.  

Com química ou sem, lisos, crespos ou ondulados, o importante é se sentir bem com o cabelo e não deixar de combiná-lo, sempre, com seu estilo e personalidade. Isso é o que fará do seu look especial.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários