Tamanho do texto

“O sexo pode preparar o terreno para o aprofundamento da conexão emocional entre estranhos”, afirma psicóloga e autora do estudo; entenda

Muitas pessoas ainda acreditam que fazer sexo no primeiro encontro pode atrapalhar as chances de vingar um relacionamento com aquela pessoa.  No entanto, um novo estudo afirma o contrário. Na verdade, especialistas acreditam que criar um vínculo mais íntimo quando se está conhecendo alguém pode ajudar a impulsionar um futuro relacionamento.

Leia também: 6 formas de ficar mais segura em um encontro com alguém que você não conhece

O sexo no primeiro encontro pode ajudar no aprofundamento da conexão emocional entre estranhos, afirma pesquisa
shutterstock
O sexo no primeiro encontro pode ajudar no aprofundamento da conexão emocional entre estranhos, afirma pesquisa

Uma equipe de psicólogos do Centro Interdisciplinar de Herzliya, com sede em Isreal, e do Departamento de Ciências Clínicas e Sociais em Psicologia da Universidade de Rochester, em Nova York, concluíram que o desejo sexual pode ter um papel importante no estreitamento de laços de potenciais parceiros. Nesse sentido, o sexo no primeiro encontro mostra-se como algo interessante para aproximar ainda mais os indivíduos.

Vantagens de fazer sexo no primeiro encontro

Fazer sexo no primeiro encontro é vantajoso, pois o sexo pode criar ligações emocionais entre os indivíduos
shutterstock
Fazer sexo no primeiro encontro é vantajoso, pois o sexo pode criar ligações emocionais entre os indivíduos

“O sexo pode preparar o terreno para o aprofundamento da conexão emocional entre estranhos”, fala Gurit Birbaum, psicóloga social e autora do estudo, ao site “Mirror” . De acordo com ela, isso vale tanto para homens quanto para mulheres, já que o sexo motiva os seres humanos a se conectarem, independentemente do gênero .

Leia também: 40% das usuárias de site de encontros casuais marcam o primeiro encontro em casa

Os cientistas descobriram que o desejo sexual provoca uma “ligação emocional” entre as pessoas. Sendo assim, o desejo pelo sexo desempenha um papel importante no desenvolvimento dos relacionamentos. Os pesquisadores ainda afirmam que ligações neurológicas demonstram que os laços emocionais são afetados pelo sexo.

Apesar das relações sexuais no primeiro encontro serem interessantes para estreitar os laços entre os futuros parceiros, a prática não é tão comum. Uma pesquisa realizada pela “YouGov Omnibus” revelou que a maioria das pessoas não estão dispostas a ter relação sexual logo que conhece alguém.

Leia também: Maioria das mulheres não aceita fazer sexo no primeiro encontro, diz pesquisa

O estudo feito no Reino Unido indica que apenas uma em cada cinco pessoas (18%) faria sexo no primeiro encontro . Além disso, os homens são quatro vezes mais propensos que as mulheres a irem para cama logo no primeiro encontro, porém é duas vezes mais provável que as mulheres digam que preferem esperar estar apaixonada para transar do que os homens.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.

    Notícias Recomendadas