Tamanho do texto

Estudos e profissionais dizem quais são esses sinais de traição; veja detalhes

Se você está em um relacionamento feliz e estável, pensar sobre a ideia de que o seu parceiro pode ser infiel faz o seu estômago revirar, certo? Pois é, lidar com uma traição (ou suspeitar de uma) não é nada fácil. Mas, como descobrir uma traição e saber se você realmente precisa se preocupar ou se está apenas sendo excessivamente paranóica e ciumenta?

Como descobrir uma traição: especialistas listam 9 sinais que podem ajudar a desvendar o mistério no relacionamento
shutterstock
Como descobrir uma traição: especialistas listam 9 sinais que podem ajudar a desvendar o mistério no relacionamento

Segundo especialistas em psicologia e relacionamentos, alguns sinais podem indicar como descobrir uma traição . Mas é preciso cautela ao analisar esses indícios, já que cada um pode interpretar os avisos de forma diferente. Antes de tirar conclusões precipitadas, é preciso cuidado ao abordar o tema traição com o parceiro.

É preciso lembrar que se você suspeitar que o seu parceiro está se afastando ou apresentando sinais de traição , não ignore e finja que nada está acontecendo, nem mesmo tire conclusoes precipitadas. Mantenha o diálogo e tenha uma conversa honesta, dizendo como se sente e questionando o que acontece entre vocês.

Sinais para saber como descobrir uma traição

Como descobrir uma traição: histórico de infidelidade e comportamento estranho nas redes são alguns dos sinais
shutterstock
Como descobrir uma traição: histórico de infidelidade e comportamento estranho nas redes são alguns dos sinais


1. Demonstrar de carinho em excesso

Carinho e demonstrações de afeto sempre são algo bom, mas quando acontecem em excesso talvez seja a hora de ligar o sinal vermelho. É isso o que adverte um estudo norte-americano publicado na revista acadêmica “Boletim de Psicologia Social e de Personalidade”.

De acordo com os pesquisadores, quando um parceiro está traindo, ele começa a adotar ações e tentativas óbvias de suprir a satisfação no relacionamento. Por exemplo, começa a presentear com frequência ou demonstrar afeto de uma forma que foge do comum. Além disso, passa a fazer comentários depreciativos sobre aquela pessoa que você suspeita ser “a outra”. Ele pode até tentar, mas com o radar ligado, você facilmente descobrirá a farsa.

2. Continuar falando com a ex

Querendo ou não, amizade com ex ainda é um assunto tabu. No entanto, a princípio, não é problema algum em continuar falando com a ex e até cultivar uma amizade. Na verdade, é saudável superar os conflitos e manter a pessoa de forma amigável na sua vida.

O caso só passa a ser preocupante quando o contato com ex-namoradas é algo que acontece de forma frequente e escondido, por mensagens no WhatsApp ou inbox do Instagram, por exemplo. Jackie Jaye Brandt, psicoterapeuta da Universidade da Califórnia, aconselha a abordar o tema com o parceiro de forma calma, como se fosse uma curiosidade, sem acusá-lo.

“Você pode perguntar algo como: existe um problema em nosso relacionamento, não estou entendendo a sua relação com a sua ex. Você pode me explicar?”, aconselha Jackie. Dessa forma, você não será invasivo, já que está apenas tentando entender o que acontece.

3. Olhar muito para as outras pessoas

Não há nada de errado em admirar outras pessoas quando se está apenas ficando, namorando ou até casado com alguém. Às vezes, acompanhamos o outro com o olhar simplesmente por impulso, sem interesse algum, e não há nada de errado nisso. O problema está quando aquela “olhadinha” quando uma pessoa passa na rua se torna algo frequente e inconveniente. Se isso acontece com frequência quando você está com seu parceiro, é hora de conversar e ficar em alerta sobre esse interesse para além do próprio relacionamento.

4. Se comportar de forma duvidosa nas redes sociais

Em tempos de likes, não é difícil ser paranoica ao acompanhar o outro nas redes sociais . Muitas vezes, torna-se algo obsessivo checar as curtidas, comentários e as diversas formas de interações que outras mulheres podem ter com o seu parceiro. Por isso, é preciso cautela para não brigar sem motivo.

Porém, os especialistas alertam que se você perceber flerte ou intimidade demais com alguém, é interessante discutir isso, principalmente se ele costuma esconder isso de você. O sinal de traição é ainda maior ao descobrir contas secretas nas redes sociais, o que também vale uma conversa.

5. Passar tempo demais no trabalho

Um relacionamento vai muito além de amor e sexo. Na realidade, é preciso de troca e diálogo em todas as áreas da vida. Conversar sobre o trabalho, por exemplo, é fundamental e vai desde entender os horários do parceiro até as funções que exerce no cargo. Se essa conversa existe, possivelmente você sabe qual a rotina de trabalho dele. Então, se os horários começam a fugir do comum, é hora de pensar: será que tem algo errado aí?

Como descobrir uma traição: tempo demais trabalhando e desculpas relacionadas ao trabalho podem ser sinais
shutterstock
Como descobrir uma traição: tempo demais trabalhando e desculpas relacionadas ao trabalho podem ser sinais

Outro estudo também publicado no “Boletim de Psicologia Social e de Personalidade” alerta que a combinação entre muito tempo no trabalho, respostas defensivas e imprecisas pode indicar traição. Se estiver tudo bem, por que ele não explica o real motivo de ficar até tarde no trabalho? Nesse caso, respostas vagas podem ser um sinal de  infidelidade . Além disso, é hora de se preocupar quando muitos encontros são desmarcados por ele estar trabalhando.

6. Não sair do celular

Um dos principais sinais de como descobrir uma traição é perceber comportamentos incomuns no celular. Ele vai para outro cômodo para atender uma ligação? Fala em voz baixa? Esconde a tela de você? Apaga as mensagens? Talvez seja a hora de prestar mais atenção nisso.

7. Virar o jogo contra você

De acordo com Susan Heitler, PHD em psicologia, quando a outra pessoa costuma virar as situações contra você também pode indicar uma traição. Por exemplo, você questiona um comportamento estranho e responde te acusando, fazendo com que a culpada pela situação seja você.

8. Gastar exageradamente

Este é um sinal de como descobrir uma  traição que cabe mais para casais em um relacionamento estável onde as contas são compartilhadas. Se vocês tem uma conta conjunta e você desconfia de alguma traição, é preciso estar atenta aos gastos do parceiro. O aumento de saques em caixas eletrônicos pode ser uma bandeira vermelha, já que o dinheiro em espécie não deixa rastros. Restringir o acesso à conta e ao cartão de crédito também não é um comportamento legal para uma união estável.

9. Ter histórico de infidelidade

O estudo norte-americano “Uma vez traidor, sempre traidor?” mostra que pessoas com histórico de infidelidade têm três vezes mais chances de trair no próximo relacionamento. Claro, essa não é a regra, mas se você quer saber como descobrir uma traição , atente-se para os antigos relacionamentos do seu parceiro.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.