Tamanho do texto

Após inspirar fantasias, maquiagens e cabelos, chegou a hora do animal ser tema para a criação de um lubrificante chamado de "saliva de unicórnio"

Após pessoas fantasiadas de unicórnios povoarem o carnaval de rua por vários anos seguidos e esse ser mitológico influenciar roupas, estilos de cabelo, formas de pintar as unhas,  de fazer maquiagem e até produtos para a pele, fica difícil pontuar quando exatamente essa moda surgiu. E, levando em consideração que um lubrificante temático de unicórnio acaba de ser lançado, também fica difícil pensar em um ramo que não seja ao menos um pouquinho influenciado por essa febre.

Após maquiagens, tendências de manicure, festinhas e fantasias, chegou a hora de unicórnios inspirarem... Um lubrificante
Shutterstock
Após maquiagens, tendências de manicure, festinhas e fantasias, chegou a hora de unicórnios inspirarem... Um lubrificante

Como se não bastasse a estranheza de combinar algo como um lubrificante íntimo a essa criatura mitológica, o nome e a descrição do produto deixam tudo mais inusitado. Batizada de “Unicorn Spit” (“saliva de unicórnio”, em tradução livre para português), a substância tem sabor de donuts, e, segundo o site, o produto “todos nós precisamos de uma ajudinha na cama, mas, quando você está cavalgando um unicórnio, tudo é possível”.




Apesar de ser à base de água – ou seja, não interferir na eficácia do preservativo – e, ao contrário da maior parte das coisas que se inspiram em unicórnios, não conter glitter ( já que você definitivamente não quer colocar esse tipo de coisa nas suas partes íntimas ), o produto pode não ser a melhor coisa do mundo para criar um clima sensual.

Imagine, por exemplo, que você está dando uns amassos em uma pessoa e ela simplesmente para tudo... Para pegar algo de nome “saliva de unicórnio”. 



Diga sim para o lubrificante!

Inspirado em unicórnios ou não, o lubrificante é algo que muitas pessoas não costumam ter por perto na hora do sexo, mas que pode ajudar – e muito – a penetração. De acordo com ginecologista Livia Daia , a falta de lubrificação vaginal é o principal fator que leva mulheres a se queixarem de dores durante a relação sexual, algo que pode ser facilmente resolvido com algo tão comum de se encontrar quanto camisinhas.

Se ele já é importante para o sexo vaginal, para o sexo anal, é essencial. Ao contrário do canal da vagina, que tem o poder de se esticar, o ânus não funciona assim e precisa de uma ajudinha extra para que o ato seja confortável e prazeroso.

Na hora de escolher um lubrificante íntimo, porém, é importante ficar de olho na composição do produto. Muitos são feitos à base de óleo ou silicone, mas esse tipo de substância aumenta os riscos da camisinha se romper e deixar o casal desprotegido. O ideal, segundo especialista, é preferir os que são à base de água.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.