Tamanho do texto

Esta posição sexual é a preferida de muitos homens e mulheres e, com pequenas mudanças, dá para variar e deixar tudo ainda mais divertido

O nome pode até variar - há quem chame de " cachorrinho " ou " doggy style " - mas a clássica posição sexual "de quatro" é apontada como preferida para muitos. Os homens costumam gostar da ideia pela sensação que tem de dominação durante o ato sexual, afinal, é ele quem controla a velocidade e a profundidade da penetração nesta posição. A ideia de ser dominada também pode agradar as mulheres e muitas gostam da sensação durante o ato, já que é possível conseguir uma penetração bem profunda dessa maneira. 

Leia também: 5 posições com penetração profunda

Na posição 'de quatro' e suas variações, o homem fica atrás da mulher e comanda as ações
shutterstock
Na posição 'de quatro' e suas variações, o homem fica atrás da mulher e comanda as ações

Para os fãs dessa posição sexual, separamos ideias para variar o tradicional "de quatro" e também algumas dicas que podem deixar tudo mais prazeroso para o casal. Veja os detalhes: 

8 maneiras de variar a posição sexual "de quatro"

Clássica posição sexual 'de quatro'
Renato Munhoz (Arte iG)
Clássica posição sexual 'de quatro'


Na posição clássica, a mulher apoia joelhos e cotovelos em uma superfície e eleva o quadril para que o homem faça a penetração - que pode ser anal ou vaginal. Ele pode usar as mãos para acariciar o corpo da parceira, segurar seus cabelos e também ajudar a controlar a velocidade da penetração. Ao mesmo tempo, a mulher pode mexer o quadril. 

Algumas mudanças sutis já trazem um universo de novas sensações para essa posição: 

1. Homem em pé

Na figura acima, o homem está de joelhos, mas ele pode ficar em pé, na beirada da cama, por exemplo. Essa simples mudança é capaz de alterar o ângulo da penetração, dependendo da altura do parceiro, e tornar tudo mais divertido. 

Em pé ele também ganha mais estabilidade do que de joelhos na cama e, com isso, o sexo pode se tornar algo mais vigoroso, se essa for a ideia de vocês. 

2. Os dois em pé

Na posição sexual "de quatro", a ideia é que o homem fique atrás da mulher, voltado para as costas dela. Dá para obter esse mesmo arranjo com os dois em pé. Para facilitar, o homem pode se apoiar em uma parede ou banquinho. A mulher ainda pode pender um pouco o corpo para frente e afastar as pernas. Com isso, a penetração será facilitada e ainda será mantido a ideia de dominação que vem junto com a posição "cachorrinho" clássica. 

Posição 'Os Oportunistas' é uma ideia para adaptar o cachorrinho para uma versão em pé
Renato Munhoz (Arte iG)
Posição 'Os Oportunistas' é uma ideia para adaptar o cachorrinho para uma versão em pé


Leia também: Veja 10 posições sexuais para fazer sexo em pé

3. Mulher com os braços esticados

Uma maneira da mulher mudar o ângulo da penetração é esticando os braços, trocando o apoio nos cotovelos pelo apoio das mãos. Com isso, o quadril tende a não ficar tão "empinado" como na versão clássica. 

4. Mulher com o rosto na cama

Ela ainda pode seguir o caminho oposto. Ao invés de esticar os braços, pode abaixar ainda mais o rosto, até apoiá-lo na cama. Com isso, vai "empinar" ainda mais o quadril para o ato sexual. Para quem gosta dessa brincadeira de dominação, essa posição deixa o homem ainda mais no controle e a mulher mais entregue à relação.  

Na 'Glória do Dominador', a mulher eleva bem o quadril para a penetração
Renato Munhoz (Arte iG)
Na 'Glória do Dominador', a mulher eleva bem o quadril para a penetração


5. Mulher deitada na cama

Outra ideia é a mulher mudar o apoio das pernas. Se antes ela estava de joelhos, agora ele fica com o corpo esticado, como se estivesse deitada de bruços. Ela pode manter os braços mais esticados ou se apoiar nos cotovelos. Para facilitar a penetração, vale usar um travesseiro ou uma almofada para levantar levemente o quadril. 

Pouso forçado é mais uma ideia de como o homem pode penetrar a mulher estando atrás dela, como acontece na 'doggy style'
Renato Munhoz (Arte iG)
Pouso forçado é mais uma ideia de como o homem pode penetrar a mulher estando atrás dela, como acontece na 'doggy style'


A vantagem essa posição, também conhecida como "pouso forçado", é que há um grande contato entre os corpos, pele com pele, já que o homem se deita sobre a mulher. Para algumas, é até mais fácil chegar ao orgasmo com essa variação a posição de "quatro" justamente por esse contato. 

Leia também: 8 posições sexuais para variar na penetração com o homem por trás da mulher

Também é possível variar a posição "de quatro" de maneira mais ousada. Para isso, é preciso um pouco mais de flexibilidade e força. Veja detalhes: 

6. Cachorrinho em pé

Para a mulher que tem um bom alongamento na parte posterior da perna é possível fazer a posição de "cachorrinho" em pé, com as pernas completamente esticas e o corpo pendido para frente.

'Cachorrinho em pé' exige flexibilidade e bom alongamento da mulher
Renato Munhoz (Arte iG)
'Cachorrinho em pé' exige flexibilidade e bom alongamento da mulher

Se ela realmente é flexível, pode apoiar as mãos no chão, como na imagem acima. Mas se precisar, um banco, uma mesa ou mesmo a cama podem servir de apoio para as mãos - e isso já tornará a posição um pouco mais fácil de ser executada. Mas vale um alerta: escolha uma superfície firme e, se for uma mesa, fuja daquelas com tampo de vidro para evitar acidentes. 

7. Carrinho de mão

Posição já virou até música de axé nos anos 90, mas para ser realizada com segurança, o homem deve ter força nos braços para segurar a mulher pelas pernas e ainda controlar a velocidade e a profundidade da penetração. 

Na 'carrinho de mão', a mulher entrelaças as pernas em torno do homem, que precisa de força para sustentar a parceira durante o ato
Renato Munhoz (Arte iG)
Na 'carrinho de mão', a mulher entrelaças as pernas em torno do homem, que precisa de força para sustentar a parceira durante o ato


Uma vantagem dessa ideia é que, como a mulher está com as pernas em volta ao quadril do homem, há um maior contato entre as regiões íntimas dos dois e o clitóris, local que dá muito prazer para ele, também é friccionado pelo corpo dele durante a penetração.

Entretanto, nem tente se não quiser uma penetração muito profunda, pois o ângulo que seus corpos ficarão será perfeito para isso. 

8. Invasora

Com o homem sentado, a mulher se encaixa no parceiro e deixa que ele comande as ações no sexo
Renato Munhoz (Arte iG)
Com o homem sentado, a mulher se encaixa no parceiro e deixa que ele comande as ações no sexo

Ainda é possível apostar no equilíbrio para mais uma variação da posição "de quatro". A ideia ainda é o homem comandar as ações e ter a mulher de bruços em seus braços, mas agora ela não tem o apoio das pernas, usando apenas os braços para se sustentar. Diversão é mais ousada, mas que pode gerar sensações diferentes em ambos do casal e também garante uma boa área de contato entre eles nas regiões íntimas. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.