Tamanho do texto

"O amor não tem idade, não tem limites, não tem rótulos. Amor é amor. Não importa o que os outros pensem ou digam", diz alemã Selma Teichmann

Há uma grande diferença de idade entre o casal, mas a alemã Selma Teichmann, de 19 anos, não liga para isso e afirma que o relacionamento dela com Maik Lier, de anos 52, tem o fundamental, que é o amor. Os pais da garota não são a favor do relacionamento e, por isso, cortaram relações com ela.

Leia também: O amor e suas diversas formas

Selma Teichmann, de 19 anos, namora Maik Lier, de 52 anos, e não vê problema com a diferença de idade
Reprodução/Daily Mail
Selma Teichmann, de 19 anos, namora Maik Lier, de 52 anos, e não vê problema com a diferença de idade


Tudo começou depois que Selma trabalhou junto com Maik por um breve período. A jovem tinha 18 anos de idade na época e o cinquentão ficou encantado por ela. Ele a adicionou nas redes sociais e passou a enviar inúmeras mensagens que nem sempre eram respondidas. Em entrevista ao portal britânico “Daily Mail”, a alemã diz que com o tempo, a amizade começou a se transformar em amor.  

Sentimento mais forte que o preconceito 

“Ele começou a me escrever. No começo, não respondia todas as mensagens. Mas, ele era muito insistente e continuou a escrevendo todos os dias”, conta a jovem. Aos poucos, ela foi se abrindo e diz que, quando menos percebeu, passou a trocar mensagens frequentemente com Maik e gradualmente foi se apaixonando por ele. Apesar da proximidade, ela confessa que tentou negar que existia um sentimento por ali a si mesma por diversas vezes.

“Eu escondi meus sentimentos, porque não conseguia admitir para mim mesma que estava apaixonada por ele”, lembra a garota. Porém, a sintonia e os vários interesses em comum fizeram o amor do casal vencer o preconceito. “Nós falamos a mesma língua e temos gostos semelhantes, como por música e desenho”, acrescenta.

Leia também: Após traição, mulher propõe sexo a três para salvar relacionamento

Depois de três meses de conversa virtual, eles se encontraram pessoalmente e, desde então, não se separam mais. “Pensamos sobre esta grande diferença de idade no início, mas, para nós dois isso não foi problema. Nossos sentimentos sempre foram mais fortes”, expõe a alemã.

Conflitos familiares

O grande problema é a forte desaprovação da família de Selma. Os pais da jovem tentaram separar o casal em diversas ocasiões e os apaixonados ainda tentam provar que o amor que sentem um pelo outro é real. “Durante seis meses escondemos nosso relacionamento, mas minha mãe já suspeitava, então contei tudo a ela”, diz a jovem.

O casal está feliz junto, mas Selma tem que lida com a desaprovação da família, que se afastou dela, após assumir a relação
Reprodução/Daily Mail
O casal está feliz junto, mas Selma tem que lida com a desaprovação da família, que se afastou dela, após assumir a relação


A partir de então, a união da família Teichmann foi abalada. “Atualmente eu vivo com Maik, porque eles não aceitam nosso relacionamento e tentam nos separar. Maik não tem contato com sua família. Seu melhor amigo e meus amigos aceitam nosso relacionamento”, relata Selma. A incompreensão da família, fez com que a filha se separasse dos pais e isso não foi algo fácil.

Leia também: Homem fica viúvo em menos de 24 horas após se casar; entenda a triste história

“Queremos mostrar a todos que estamos felizes nessa relação e que as relações entre pessoas com diferenças de idade não precisam ser escondidas. O amor não tem idade, não tem limites, não tem rótulos. Amor é amor. Não importa o que os outros pensem ou digam. Todo mundo tem o direito de se apaixonar”, desabafa Selma. Os planos dos dois são de se casar e constituir uma família.

    Leia tudo sobre: amor
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.