Tamanho do texto

Da faísca do primeiro encontro ao rompimento, existem diversas semelhanças entre casais quando se trata dos momentos de um namoro

Você já ouviu a frase "aquele casal ainda não saiu do estágio da lua de mel" e ficou se perguntando se realmente essas "fases do relacionamento" existem? É isso que o estudo realizado pelo site de namoro "eHarmony" tentou descobrir. Os pesquisadores entrevistaram mais de mil australianos e desvendou quais são as cinco fases que a maioria das relações românticas atravessam — e o que cada uma desses estágios implica. 

Leia também: Dividir comida com parceiro indica bom relacionamento, diz estudo

Solteiros também procuram um caso ou uma aventura em site de relacionamento extraconjugais
shutterstock
Solteiros também procuram um caso ou uma aventura em site de relacionamento extraconjugais


De acordo com a especialista em relacionamento da "eHarmony" e psicóloga Jacqui Manning, existem muitas semelhanças entre os casais quando se trata das etapas importantes durante um namoro. Foi pensando nisso que os pesquisadores responsáveis pelo estudo conseguiram elencar as cinco diferentes fases do relacionamento .

1. A fase de faísca

Esse é o momento que marca o início de um relacionamento, no qual ambas as partes percebem que gostam um do outro e começam a sair juntos, mas sem ter um relacionamento sério. O estudo descobriu que uma a cada quatro pessoas costuma beijar em um primeiro encontro.

A maioria das pessoas entrevistadas também disse que espera pelo menos três meses antes de ter relações sexuais com um novo parceiro, mas 9% admitiram que já querem dormir com alguém uma semana depois de sair pela primeira vez. 

Leia também: Pesquisa diz que dormir separado está virando rotina para casais

2. A fase de lua de mel

A segunda etapa consiste naquela fase feliz que você e seu parceiro estão confortáveis um com o outro, já estão chegando em um momento mais íntimo, mas sem realmente oficializar a relação. Alcançar a fase pode ser complicado para algumas pessoas, já que pelo menos um terço dos entrevistados acredita que você precisa ter "a conversa" antes de se tornar exclusivo.

A pesquisa indica que, em média, uma pessoa demora três meses para desativar os perfis de namoro online, com os homens sendo mais propensos a excluir os aplicativos de namoro antes das mulheres: 28% dos homens desativam suas contas depois de três semanas junto com alguém, contra 17% das mulheres.

3. A fase de intimidade

A medida que um relacionamento se desenvolve, as pessoas começam a se sentir mais confortáveis ​​umas com as outras. Geralmente, depois de três meses, o casal já está pronto para dizer "eu te amo". Além disso, com cinco meses de namoro, já é comum manter pertences, como escova de dentes, na casa do parceiro. 

As pessoas mais jovens, na faixa dos 24 anos de idade, também admitiram que atitudes como soltar pum e arrotar é aceitável depois dos três meses de relacionamento.

Leia também: Como apimentar a relação? Veja dicas para incrementar 4 posições sexuais básicas

4. A fase de compromisso

A pesquisa descobriu que muitas pessoas não têm medo de se comprometer com seu parceiro relativamente cedo. É comum para 45% das pessoas ficar noiva após um ano, e até mesmo ter uma conta conjunta no banco ou uma casa depois desse período de tempo juntos.

Em seus meses de relacionamento, 28% das pessoas já se mudariam para viver com um parceiro, 13% aceitaria um pedido de casamento e 15% chegariam a ter um animal de estimação em conjunto. Metade das pessoas também espera seis meses para apresentar um parceiro para a família.

5. A fase do coração partido

Infelizmente, o fato é que muitos namoros terminam. E essa, obviamente, é a última das fases do relacionamento. No entanto, 67% das pessoas seguem e começam a namorar alguém novo dentro do período de um ano. Ainda assim, a pesquisa descobriu que uma pessoa leva cerca de dois anos para superar um ex. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.