Tamanho do texto

Entre as coisas que as pessoas mais valorizam ao procurar um parceiro estão a personalidade, humor, inteligência, beleza e até mesmo ter dinheiro ou não

Aquela frase clichê sobre "o que realmente importa é o interior" pode ser bem mais real do que você imagina e talvez tenha sido bom seguir aquele conselho de vó sobre esse assunto. Segundo uma pesquisa, valorizar mais uma boa personalidade do que a aparência física é uma coisa que as pessoas realmente fazem.

Leia também: Dividir comida com parceiro indica bom relacionamento, diz estudo

Humor e boa personalidade são os quesitos mais procurados em um parceiro romântico
shutterstock
Humor e boa personalidade são os quesitos mais procurados em um parceiro romântico


O estudo foi realizado pela empresa "YouGov" em 20 países entre a Europa, Ásia, América do Norte e nordeste da África e o resultado geral é que ao considerar ter um parceiro romântico, uma boa personalidade é o que mais importa. 

Apenas 14% dos homens britânicos e 5% das mulheres britânicas entrevistadas, por exemplo, escolheram boa aparência como a qualidade mais desejável em um parceiro, enquanto 52% dos homens e mulheres britânicos acreditam que característica mais favorável de alguém é como a pessoa é. 

Leia também: Amor à primeira vista existe ou é coisa de filme? Estudo responde

Outros fatores que entraram na pesquisa são: inteligência, humor, interesses em comum e dinheiro. Depois da personalidade, a questão mais valorizada é se a pessoa é inteligente e bem humorada. Ter interesses semelhantes é ainda mais importante que a beleza. Ser rico não é um critério tão importante para nenhuma das nacionalidades pesquisadas. 

Linguagem do amor

Parece que, apesar de todos os pesquisados falarem línguas diferentes, existe uma relação em comum entre todas elas quando o quesito é amor. De acordo com a diretora da "PassionSmiths", Madeleine Mason, isso não deve ser uma surpresa.

"Fundamentalmente, as pessoas gostam de quem as fazem se sentir bem. Personalidade e humor contribuem para isso, a aparência não", explica a profissional. "A personalidade e o humor são mais propensos a fazer você se sentir bem com você mesmo, então são as coisas procuradas em um parceiro."

Leia também: Monogamia pode ser uma questão biológica? Pesquisa busca respostas

Por isso a dica é: não julgue apenas pelas primeiras impressões. Se você quer se apaixonar, pode valer a pena realmente procurar alguém que te marque de verdade com uma boa personalidade e alguns assuntos que te façam rir. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.