Tamanho do texto

Outros dados do estudo ainda indicam que 45% das pessoas já se envolveram com colegas de trabalho e, delas, 12% tiveram um caso com o próprio chefe

Apesar de não ser muito difícil encontrar pessoas que tenham histórias de paquera, romance e até coisas mais picantes no ambiente de trabalho, envolver-se com um colega não é exatamente a ideia mais inteligente do mundo. Ao mesmo tempo em que você pode realmente encontrar sua alma gêmea, há chances de a relação terminar em brigas e decepções, criando um climão ou até problemas reais no trabalho.

Leia também: A cada dez pessoas, uma já fez sexo no trabalho, aponta estudo

De acordo com um estudo recente, o inverno é a melhor época para transformar a paquera do trabalho em algo a mais
Shutterstock
De acordo com um estudo recente, o inverno é a melhor época para transformar a paquera do trabalho em algo a mais

Ainda assim, se você não consegue evitar ficar nas nuvens toda vez que aquele ou aquela colega incrível está por perto, saiba que existe uma estação do ano mais propícia para que a paquera evolua e vocês fiquem juntos. De acordo com um estudo realizado recentemente pela empresa de comunicação Reboot Digital, 45% das mais de 2 mil pessoas entrevistadas assumiram já ter se envolvido com um colega de trabalho e, dentre elas, 66% afirmam que o romance começou durante os meses de inverno.

Detalhes do estudo

Mas, afinal, o que faz o inverno ser tão convidativo para amassos entre colegas de trabalho? Como o estudo foi realizado por uma empresa norte-americana, uma das razões apontadas para que a porcentagem de pessoas que se envolvem com colegas no inverno ser tão grande é o período de festas de fim de ano.

Leia também: Sueco propõe pausa no expediente para sexo e aponta benefícios

No hemisfério norte, a estação mais fria do ano costuma coincidir com o Natal e o ano novo, e isso significa que há mais chances de rolar a famigerada festa da firma – evento em que, para 31% dos entrevistados, rendeu o primeiro beijo do “casal”. Enquanto isso, no Brasil, o inverno engloba a época das festas de São João, que também podem ser uma boa oportunidade para quem tem aquele crush a algumas mesas de distância consiga o que quer.

Apesar de quase metade das pessoas consultadas pela pesquisa já terem se envolvido com alguém do trabalho e 12% delas afirmarem que a pessoa em questão era o próprio chefe, 26% dos empregadores desaprovam a atitude, o que é compreensível, já que situações assim podem gerar alguns problemas.

Leia também: Confira sete sinais de que você ainda não superou um amor antigo

Por exemplo: para 20% das pessoas que já tiveram casos com pessoas do trabalho, a situação envolveu gente comprometida. Além disso, 6% delas confessam que perderam o emprego por conta da paquera, e 9% tiveram de deixar o cargo por não conseguirem se reconciliar com a pessoa em questão após de um término.