Tamanho do texto

Leite materno, sexo silencioso e bebê chorando... A vida sexual no pós-parto pode ser tanto um desafio quanto uma experiência engraçada aos casais

Infelizmente, o sexo pós-parto ainda é um tema tabu que deixa muitas pessoas desconfortáveis quando o assunto é levantado. A gravidez , o parto e um bebê na família são fatores que provavelmente vão mudar a forma como você e seu parceiro fazem sexo, mas isso não é motivo para achar que sua vida sexual está arruinada.

Leia também: Sexo na gravidez é saudável e não machuca o bebê

O sexo pós-parto pode ser tanto um desafio quanto uma experiência divertida para alguns casais
shutterstock
O sexo pós-parto pode ser tanto um desafio quanto uma experiência divertida para alguns casais

Na verdade, existem estudos que apontam que o sexo pós-parto é ainda melhor do que quando você não tinha filhos. Isso devido ao aumento da intimidade do casal que vai fazer com que vocês se divirtam mais juntos, principalmente na cama.

Apesar de ficar melhorar, não significa que retomar o sexo depois de dar à luz vai ser simples. Podem aparecer alguns empecilhos no caminho – como um bebê chorando - , mas isso não é motivo para desistir.

O site "Refinery 29" pediu que nove casais relatassem momentos inusitados e engraçados que passaram quando voltaram a fazer sexo após o nascimento do filho. Confira:

1. Orgasmo iterrompido

Você estava quase atingindo o orgasmo e foi desconcentrada pelo bebê chorando? Não se preocupe, você não está sozinha nessa. “Está não é uma história sobre a primeira vez que meu marido e eu fizemos sexo depois de eu dar à luz, mas sobre a primeira vez que eu finalmente tive um orgasmo. Meu marido estava por baixo de mim e quando eu estava prestes a atingir o ápice, nosso bebê acordou e começou a gritar. Então... Digamos que eu não consegui chegar até a linha de chegada”.

2. Voltando à rotina

"Eu tenho 29 anos de idade e, quando a minha vagina finalmente se recuperou do nascimento do meu primeiro filho, eu e meu marido retomamos a nossa vida sexual. Porém, nós estávamos bastante aterrorizados com essa ideia, já que foi daquele mesmo lugar que saiu um bebê. Era estranho voltar com o sexo sabendo que eu tinha gerado uma criança por nove meses e que ela havia passado por ali, entende? Mas depois de um tempo conseguimos e uma surpresa: tinha muito leite envolvido".

3. Marido cansado

Gerar um bebê por nove meses, dar à luz, amamentar e cuidar de um bebê é extremamente cansativo para os pais. O cansaço é tanto que passou a interferir as relações do casal mesmo um ano após o nascimento. 

Cuidar de um recém-nascido pode ser tão cansativo a ponto de um de vocês dormir antes mesmo da relação
shutterstock
Cuidar de um recém-nascido pode ser tão cansativo a ponto de um de vocês dormir antes mesmo da relação

“Desde que tivemos o nosso primeiro bebê há cerca de um ano, meu marido e eu não dormimos muito bem (assim como a maioria dos pais). Uma das primeiras vezes que fomos fazer sexo depois de dar à luz, isso apareceu com força. Meu marido simplesmente caiu no sono. Ele dormiu. Eu carreguei um bebê por nove meses, dei à luz, amamentei uma criança e ele que adormece?”.

Leia também: Sexo na gravidez: relações são liberadas no pós parto? Especialista tira dúvidas

4. Como no Ensino Médio

Retomar a vida sexual depois de uma gravidez, às vezes, pode até lembrar a primeira vez que fizeram sexo.  “Eu sou uma mulher casada e tenho um filho de nove meses. Meu marido e eu esperamos um tempo para retomar o sexo pós-parto porque, honestamente, eu estava muito cansada e não me sentia sexy suficiente para isso. Cerca de seis meses depois de dar à luz, finalmente fizemos. Quando isso aconteceu, foi realmente fofo porque esperamos muito por esse momento. Matt, meu marido, ficou perguntando: “Você está bem?”. E em um ponto eu comecei a rir porque me lembrou um pouco da primeira vez que eu fiz sexo. Foi como no Ensino Médio”

5. Masturbação

“Masturbação conta como sexo, certo? É muito difícil explicar para seu filho de dois anos o que está acontecendo quando ele tenta abrir a porta do banheiro e fica te chamando depois de um tempo que você está lá dentro. Sabe, às vezes eu só preciso ir ao banheiro um pouco a mais do que o normal para matar minhas vontades”.

6. Pausa no BDSM

Se você e seu parceiro tinham uma vida sexual ativa com práticas de BDSM e muitos brinquedos sexuais, talvez seja melhor repensar a viabilidade disso para o sexo pós-parto ou, pelo menos, garantir que as crianças não conseguirão encontrar os acessórios.  “Meu parceiro e eu retomamos a vida sexual depois de ter um filho, mas algumas de nossas atividades de BDSM tiveram que ser deixadas para trás. Por exemplo, pode demorar muito tempo para amarrar alguém e, infelizmente, nós não temos horas para se dedicar a isso como costumávamos fazer. Além disso, eu tive grandes problemas quando nosso filho começou a crescer e encontrou alguns brinquedos sexuais que o papai não guardou corretamente” .

Leia também: Existe vida sexual pós-gravidez?

7. Filho alerta

Sempre que vocês tentam aproveitar o momento a sós seu filho começa a chorar e atrapalha tudo? Não se preocupe, outros casais passam pelo mesmo.  “Eu juro por Deus que meu filho tem algum tipo de sensor de sabe quando eu e meu marido estamos começando a fazer sexo. Sempre que o colocamos para dormir e começamos a fazer sexo ele começa a chorar e precisamos parar tudo para atendê-lo” .

8. Orgasmo silencioso

Alguns casais optam por um sexo mais silencioso para não correr o risco de acordar as crianças
shutterstock
Alguns casais optam por um sexo mais silencioso para não correr o risco de acordar as crianças

“Eu sou pai de dois filhos maravilhosos. Uma coisa que minha esposa e eu aprendemos depois do nascimento das crianças foi a importância dos orgasmos silenciosos. Afinal, você não quer acordá-las, não é? O que você menos deseja é uma criança de três meses chorando e cortando o clima porque você fez barulho. Mais orgasmos silenciosos para todos!”

9. Leite no sexo

Imagine a cena, você está fazendo sexo com seu marido e, de repente, um jato de líquido sai dos seus seios. Isso mesmo, leite materno no meio da relação. “Eu já perdi a conta de quantas vezes o leite materno vazou do meu peito durante o sexo e foi por todo o rosto do meu marido. Nos olhos dele, no nariz, na boca...” .

E você, tem alguma história engraçada ou episódio inesquecível de sexo pós-parto?

    Leia tudo sobre: gravidez
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.