Tamanho do texto

Posições mirabolantes e gemidos exagerados nós até entendemos, mas há algumas cenas em filmes pornô que raramente se repetem na vida real; veja

Que atire a primeira pedra quem nunca viu ao menos um trecho de um filme pornô ou sentiu curiosidade em fazê-lo. De acesso cada vez mais fácil, há pornografia para todos os gostos, mas grande parte do material segue um padrão. Confira cinco coisas que são rotina na pornografia, mas não acontecem quase nunca no mundo real:

Ao contrário dos filmes pornô, é quase impossível estar com a depilação em dia em todos os momentos e acordar arrumado
Shutterstock
Ao contrário dos filmes pornô, é quase impossível estar com a depilação em dia em todos os momentos e acordar arrumado

Leia também: Mulheres veem mais pornografia no celular do que homens, aponta pesquisa

Corpos totalmente depilados 100% do tempo

Ainda que haja alguns filmes pornô em que é possível ver um pouquinho de pelo aqui e ali, a maioria expõe pessoas completamente depiladas, tanto homens quanto mulheres. Seres humanos são mamíferos e, a menos que a façam depilação a laser, é impossível que não exista um pelinho sequer neles além das sobrancelhas e cílios.

Sexo pá-pum

As pessoas se encontram, trocam olhares e, em menos de um minuto, já estão transando. Muitas vezes pulam até as preliminares, principalmente a feminina. No mundo real, as mulheres normalmente sentem bastante desconforto durante o sexo se não estão suficientemente lubrificadas.

Segundo a sexóloga Carla Cecarello, a lubrificação está diretamente ligada à excitação dela, que depende de estímulos sensoriais, como sexo oral, masturbação, beijos, carícias nas zonas erógenas, entre outros. Afinal, é difícil escorregar em um tobogã seco, certo?

Leia também: É normal não ter orgasmos com penetração? Especialista explica

Corpos perfeitos

Esse tipo de filme costuma ser estrelado por pessoas com corpos esculturais, cinturas finas, tanquinhos, seios perfeitamente redondos, durinhos e simétricos, pênis grandes, cabelos perfeitamente arrumados e rostos cuidadosamente maquiados.

No mundo real, não é difícil encontrar pessoas que são inseguras com o próprio corpo e que sentem dificuldade em tirar as roupas na frente de alguém. É importante, porém, lembrar que há corpos de todos os formatos, que ninguém acorda pronto para uma sessão de fotos e com tudo “no lugar”. Na hora do sexo, o que importa é a vontade, o esforço para satisfazer o outro e o próprio prazer. Estar sem maquiagem ou acima do peso não atrapalha nada disso!

Sexo entre estranhos sem camisinha

Apesar de muitas pessoas não gostarem de usar, a camisinha é o único método contraceptivo que protege tanto de gravidez quanto de doenças sexualmente transmissíveis, segundo a ginecologista Mariana Maldonado. É muito difícil, porém, ver atores de filmes eróticos usando preservativos em cena. No mundo real, talvez não seja uma boa ideia transar com um completo desconhecido (como o entregador de pizza, o encanador, o supermodelo que convenientemente se mudou para a casa ao lado...) sem usar proteção.

Orgasmo feminino sempre acontece

Chegar ao orgasmo é mais trabalhoso para mulheres do que para homens. Segundo um estudo publicado pelo “Archives of Sexual Behaviour”, enquanto 75% dos homens heterossexuais afirmam chegar ao clímax em todas as relações, apenas 33% das mulheres  de mesma orientação sexual podem dizer o mesmo.

O mesmo estudo também fez um levantamento de todas as práticas sexuais que os consultados haviam experimentado no mês anterior à pesquisa, e descobriu a “fórmula” para o orgasmo feminino. De acordo com ele, a combinação de sexo oral, estimulação genital e beijos profundos faz com que 80% delas gozem, enquanto o sexo penetrativo sozinho levou apenas 35% delas à loucura. Isso indica que o sexo no estilo britadeira e sem preliminares exposto frequentemente em filmes pornô pode não ser tão agradável quanto parece.

    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.