Tamanho do texto

O sexo é constantemente listado entre as coisas que pioram com a idade, mas será que é verdade? Segundo estudo, o que acontece é o inverso

Menopausa, impotência sexual e alterações hormonais são as provas de que ao sexo só piora conforme a idade chega, certo? De acordo um estudo feito por pesquisadores da Universidade de Minnesota, esta noção pode estar errada. A pesquisa, realizada com 6 mil pessoas entre 20 e 93 anos, concluiu que as relações sexuais , na realidade, ficam melhores com o passar dos anos.

Leia mais: Sexo na terceira idade! Os benefícios e os alertas para essa fase da vida

Sexo piora conforme a idade chega? Estudo diz que não
Shuttersock
Sexo piora conforme a idade chega? Estudo diz que não






Mudança de prioridades

Uma das perguntas feitas aos participantes foi: “Como você classifica os aspectos de sua vida sexual nos dias de hoje, desde a pior situação possível até a melhor situação possível?”. A conclusão básica encontrada a partir deste questionamento foi a de que o número de vezes que as pessoas fazem sexo  cai com o passar dos anos.

Porém, segundo Miri Forbes, umas das líderes do estudo, outro dado levantado faz com que a queda seja "amortecida". “A frequência das relações sexuais fica cada vez menos importante com a idade, enquanto o cuidado e o esforço investidos na experiência tornam-se mais significativos. A mudança de prioridades foi a chave para determinar a qualidade sexual das pessoas mais velhas”, comenta a pesquisadora.

“Quando comparamos os principais dados das vidas sexuais de pessoas mais novas e mais velhas com características sociodemográficas e questões de saúde física e mental, pessoas mais velhas realmente têm vidas sexuais de maior qualidade”, completa ela.

Leia mais: Maioria dos casais tem vida sexual ruim; saiba como escapar desta estatística

Maturidade, conhecimento e esforço

O estudo mostra que, entre um homem de 40 anos e um de 50 que investem o mesmo cuidado e esforço na transa e que tiveram relações com o mesmo número de parceiros, os indivíduos mais velhos são os que têm vidas sexuais mais satisfatórias. Um dos fatores que explica a melhora no desempenho sexual conforme as pessoas ficam mais velhas é que, segundo Miri, amantes que são mais "maduros" tendem a absorver experiências de relacionamentos passadas como aprendizado, e usam isso para melhorar as futuras relações sexuais. 

Leia mais: Veja dicas e saiba como retomar sua vida sexual após o nascimento dos filhos

“Juntos, os dados sugerem que, conforme envelhecemos, nossas prioridades acerca do sexo mudam  e nós desenvolvemos conhecimento, habilidades e preferências que acabam nos protegendo de fatores que podem prejudicar a qualidade do sexo”, conclui Miri.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.