Cada dia existe um novo segredo ou recomendação para que vivamos mais. Alimentos específicos, fazer exercícios e até fazer mais sexo. Mas e se a abstinência sexual for o segredo?

Bom humor garantido: veja lista de alimentos que te deixam mais feliz

De acordo com uma pesquisa realizada pela Universidade de Sheffield, na Inglaterra, praticar a abstinência sexual por toda a vida pode te fazer viver mais. As informações são do jornal escocês “The Scotsman”.

Estudo pode explicar por que as freiras vivem mais: abstinência sexual
shutterstock
Estudo pode explicar por que as freiras vivem mais: abstinência sexual

“Freiras tendem a ter uma expectativa de vida maior de mulheres com filhos, e a maioria das pessoas conhece alguém que tem uma tia solteirona que parece viver para sempre. A pergunta é: por quê?”, diz Michael Siva-Jothey, pesquisador que liderou o esudo, à publicação.

O estudo para tentar descobrir a resposta foi feito com besouros. Um grupo deles acasalavam todo os dias, outro grupo dos insetos não. O pesquisador concluiu que os besouros que acasalavam morriam mais cedo do que as que se mantinham no celibato.

Você viu?

Somos tão felizes no sexo quanto dizemos que somos?

“O mecanismo não é o mesmo em humanos, mas o princípio é. Nos besouros, o acasalamento liberava hormônios necessários para produzir esperma, nos machos, ou óvulos, nas fêmeas, e este hormônio tinha um efeito negativo no sistema imunológico”, explica o pesquisador.

Ou seja, ao fazerem sexo, os besouros – macho e fêmea – estavam, aos poucos, enfraquecendo o sistema imunológico. Estes resultados, no acumulado dos anos, diminuía o tempo de vida. E Michael acredita que isso pode ser aplicado aos humanos.

Mais sexo não leva a mais felicidade, aponta estudo

Outros estudam corroboram o resultado da pesquisa britânica. Um artigo publicado no periódico “Current Biology” revela que, há centenas de anos, os eunucos – homens que eram castrados e guardavam mulheres de haréns no Oriente – viviam até 19 anos a mais do que os homens da mesma classe social, inclusive ultrapassando a expectativa de vida de membros da família real.

De acordo com este segundo estudo, acredita-se que o hormônio masculino, testosterona, pode reduzir a expectativa de vida,  o que pode explicar como a abstinência forçada dos eunucos o faziam viver mais. Será que vale a pena abandonar o sexo?

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários