Tamanho do texto

"Daily Mail" relembra nesta quarta (23) o relacionamento de Mick Jagger, dos Rolling Stones, com a apresentadora Luciana Gimenez, chamada de "destruidora de lares" na matéria; será?

"Destruidora de lares". Foi assim que o "Daily Mail" tratou Luciana Gimenez nesta quarta-feira (23), ao relembrar o envolvimento dela com o roqueiro Mick Jagger, há 17 anos. Os dois são pais de Lucas Jagger.

Mick Jagger abre o coração a Luciana Gimenez no programa dela, SuperPop, da Rede TV!, em março deste ano
Divulgação
Mick Jagger abre o coração a Luciana Gimenez no programa dela, SuperPop, da Rede TV!, em março deste ano



A culpa é sempre da mulher

De acordo com a publicação, a apresentadora da RedeTV! teria ficado por oito meses antes de engravidar e foi apontada como o motivo para o fim do casamento do roqueiro com a socialite Jerry Hall.

O tabloide ainda afirma que Jerry, que se casou no início deste mês com o magnata Rupert Murdoch, não teria perdoado Luciana pela traição e, por isso, não a convidou para o casamento. O jornal ainda lembra que outras ex de Mick Jagger foram convidadas.

Atualmente, ela é casada com Marcelo de Carvalho, com quem tem Lorenzo, de 5 anos. "Eles têm uma casa de milhões em Nova York, uma residência de férias em uma ilha no Brasil, e ela está em uma forma formidável. A história de Luciana é certamente a prova deprimente de que a fama moderna pode ser conquistada sem esforço ou talento... apenas com uma dose de descaramento", diz a publicação. Luciana não quis se manifestar sobre o assunto, e precisa?

+ Por que os óculos de Ilze Scamparini geraram tanta polêmica?

Filhos de Mick aceitam Luciana

A apresentadora tem uma boa relação com a família do músico. Em julho do ano passado, inclusive, no aniversário dele em Nova York, ela figurou em um jantar privado ao lado da maioria dos filhos dele, netos e amigos. Luciana, inclusive, estava ao lado dos filhos de Jerry Hall e foi a única mãe de filho dele convidada.

Própria carreira

Vale lembrar que, independentemente do que a apresentadora viveu ou não com o músico, ela saiu do Brasil pela mãos de Jhon Casablanca aos 16 anos, trabalhou como modelo desde então e, atualmente, é uma das apresentadoras mais famosas do Brasil - e até fora dele .

A história parece a mesma vivida por Isis Valverde que teria se envolvido com Cauã Reymond na época em que ele ainda era casado com Grazi Massafera. A atriz foi chamada de periguete, pivô da separação e destruidora de lares da mesma forma.

Responsabilidade é do homem

O que mais surpreende? A pessoa responsável pelo artico é uma repórter, chamada Alisson Bochoff.

Tica Moreno, socióloga da Sempreviva Organização Feminista, já falou sobre o tema ao Delas . Ela entende que o comportamento machista de algumas mulheres dificulta a luta por igualdade de gênero. “É fundamental que as mulheres se unam, uma mulher sozinha não vai conseguir fazer muitas mudanças na sociedade”, argumenta. “É preciso deixar de olhar as amigas como possíveis rivais, não reforçar antigas crenças e chavões”, acrescenta Ana. 

#MinaRespeiteAsMinas

No Mês da Mulher, o Delas sugere uma reflexão sobre o respeito que cada mulher pode ter pela outra; topa? Veja mais aqui .

Machismo?

“No caso em que um homem comprometido em uma relação monogâmica trai a mulher com outra, a responsabilidade é do homem. Esse tipo de ponto de vista [culpabilização da mulher] acaba tirando a responsabilidade dele”, pondera Tica. Ou seja, para a socióloga, é comum quando um homem comprometido trai sua namorada ou esposa com outra a responsabilidade cair apenas sobre a mulher, que seduziu o rapaz indefeso. Até a traída é criticada por deixar o parceiro ir ‘procurar na rua’ o que não encontra em casa.  

Pois bem, esses julgamentos soam preconceituosos e machistas para você? A mulher, ao se envolver com um homem casado, é a única responsável pela traição dele e, consequentemente, pela infidelidade dele? Afinal, nos dois casos, não compete ao comprometido a fidelidade que jurou, inclusive na frente de testemunhas? Atribuir a responsabilidade à "destruidora de lares" não é reforçar um preconceito? 


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.

    Notícias Recomendadas