Tamanho do texto

A famosa barrinha de cereal poder uma ajuda e tanto para saciar aquela fome fora de hora, mas também pode ser uma grande vilã da dieta

Você está seguindo uma alimentação saudável e uma dieta balanceada e também está querendo perder uns quilinhos extras que teimam em te acompanhar. Aí bateu a fome no meio da tarde e você não levou seu lanchinho ou frutinha para o trabalho, mas ao lado do escritório tem uma lojinha ou mercadinho. Lá há uma grande variedade de barrinha de cereal ou de nuts . E agora, o que comprar?

Leia também: Aprenda a transformar a granola em uma aliada em sua dieta

Barrinha de cereal e a de nuts podem fazer parte da dieta. Veja como inseri-las da melhor maneira no cardápio
Divulgação
Barrinha de cereal e a de nuts podem fazer parte da dieta. Veja como inseri-las da melhor maneira no cardápio


A barrinha de cereal ou de nuts são muito práticas e podem, sim, entrar na dieta, mas não são todas que estão liberadas. Além da dica clássica de olhar o rótulo do alimento antes de comprar para saber exatamente o que está levando, vale entender o que é uma barra de cereal e uma nuts e quais os melhores momentos para consumir cada uma. 

Reunimos aqui no Delas dicas de nutricionistas e também receitas que vão te ajudar a fazer as melhores escolhas. 

Cereal x nuts

Esse é o primeiro passo. Muita gente pensa que a barrinha de nuts é uma variação da de cereal, mas estamos falando de dois produtos diferentes, apenas o formato que nome para eles é o mesmo. As diferenças entre esses itens vão desde a composição até os benefícios para o corpo, e consequentemente, a melhor hora para consumir cada um. 

Segundo a nutricionista Klara Rahmann, consultora da EnovaFoods, as barrinhas de nuts levam castanhas e apresentam um melhor valor nutricional que as de cereais. Ela explica que cada uma das oleaginosas usadas nesse produto é fonte de determinados nutrientes e, no conjunto, fornecem ao organismo uma boa quantidade de substâncias como antioxidantes, vitaminas do complexo B, vitaminas C e E, cálcio, ferro, zinco e selênio. 

Já a barra de cereal, segundo a especialista, também possuem gorduras boas, fibras e proteínas, mas em quantidades menores em comparação com o produto de castanhas. Essa barrinha é uma boa fonte de carboidrato complexo e, por isso, fonte de energia para o organismo. 

Cereal de verdade

Para entrar na dieta e na alimentação equilibrada, a barrinha deve ser integral de verdade, ou seja, conter castanhas inteiras - e não trituradas -, grãos e não começar a lista de ingredientes justamente pelo açúcar ou xarope de glicose. 

Por isso, a velha e boa dica do rótulo não sai de moda. Procure adquirir produtos os quais a lista de ingredientes comece por cereais e grãos integrais ou castanhas. Se o açúcar ou o xarope de glicose aparecer logo de cara, isso significa que esse é o ingrediente em maior quantidade ali, ou seja, não é o mais indicado para a dieta. 

Barrinhas com castanhas inteiras são mais indicadas para a dieta, segundo especialista
shutterstock
Barrinhas com castanhas inteiras são mais indicadas para a dieta, segundo especialista


A nutróloga Liliane Opperman também já falou ao iG sobre o tema e ressaltou a importância de olhar outros ingredientes. Ela explicou que muitas barrinhas são ricas em aveia, mas também são recheadas de flocos de milho e de arroz, itens que até soam como saudáveis, mas que são, na verdade, carboidratos simples e produzem todo o pico de açúcar como outros ingredientes "vilões" da dieta. 

Quando consumir cada barrinha?

Pelo valor nutricional, como afirma Karla, a barrinha de nuts é mais completa e tende a dar mais saciedade ao consumidor que a de cereal. Elas são fontes de gorduras boas e também de proteínas e fibras, itens diregidos mais lentamento pelo organismo e que, por isso, fazem com que se tenha a sensação de estar alimentado por mais tempo. Esses nutrientes também evitam que o corpo tenha picos de energia, o que resulta em mais fome logo depois do lanche ou refeição. 

E nessa questão também vale a sugestão de procurar produtos que contenham as castanhas inteiras. A nutricionista diz que estudos mostram que  quando consumidas inteiras, as oleoginosas são mais potentes em relação ao efeito de saciedade que as trituradas. 

Se a ideia é ter energia de uma maneira mais rápida, como logo antes de praticar uma atividade física, vale optar pela barra de cereal - tomando os cuidados para escolher o produto mais saudável. Os carboidratos fornecem energia mais rapidamente ao corpo que os outros nutrientes. 

Combinações

Para tornar a barrinha de cereal mais nutritiva, a sugestão da nutricionista é agredar ao lanche uma porção de proteína, por exemplo. Isso também ajudará a diminuir os picos de açúcar do sangue, e consequentemente, trazer mais saciedade e até evitar o acúmulo de gordura - isso acontece quando há muito mais açúcar disponível do que o necessário para o bom funcionamento do organismo. 

Um potinho de iogurte ou mesmo uma porção de castanhas junto com a barrinha vão trazer, segundo Karla, as quantidades ideias de proteína e fibras para o lanche. 

Iogurte com cereal é uma boa ideia para seus lanches
shutterstock
Iogurte com cereal é uma boa ideia para seus lanches


Há quem seja ainda mais radical. A médica endocrinologista e blogueira fitness Giulianna Pansera já participou de reportagem no iG e defendeu trocar qualquer tipo de barrinha por castanhas ou sementes compradas a granel . A ideia dela é fazer os próprios saquinhos com um mix asudável. Ela afirma que dessa forma garante que não estará consumindo conversantes e aditivos e ainda o preço, no final, sai mais em conta. 

E se você pode comprar as castanhas, também pode preparar as barrinhas de cereal em casa para fugir das armadilhas presentes em alguns industrializados. Uma sugestão é misturar biscoitos aos cereais para uma receita que tem a cara de café da manhã. Veja aqui o passo a passo

Você ainda pode incluir diversos bons ingredientes em sua barrinha de cereal. Para uma versão mais funcional, aposte na chia e na linhaça, por exemplo. Já se for apaixonada por chocolate, use cacau em pó no lugar de achocolatado, já que esse item não contém açúcar na fórmula. Para dar um sabor adocidado, opte por frutas secas como ameixa ou damasco. E para dar liga, uma boa ideia é trocar melaço de cana por mel de abelhas. Veja mais detalhes e um passo a passo para fazer uma barrinha saudável em casa

    Leia tudo sobre: dieta

    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.