Tamanho do texto

Até sua série favorita na televisão pode ser uma armadilha para a dieta. Veja lista do que pode atrapalhar a luta contra a balança sem que você perceba

Você já sabe qual a meta do peso ideal para seu biotipo, fica de olho no que coloca no prato em todas as refeições, mas ainda assim sente aquela vontade de atacar a geladeira? Acha difícil controlar a gula? Algumas atitudes podem estar prejudicando a dieta sem que você nem perceba. 

Preste atenção a sua rotina, ela pode estar atrapalhando sua dieta
Creative Commons
Preste atenção a sua rotina, ela pode estar atrapalhando sua dieta



Leia também: Dieta sem carboidrato coloca seu cérebro em risco, entenda

O site "Byrdie" ouviu especialistas e montou uma lista com oito atitudes que são verdadeiras armadilhas para sua dieta . Até a série de televisão favorita pode te deixar com vontade de comer coisas nada saudáveis. Veja a relação completa: 

1. Maratona de séries

"Passar tempo diante da tela, da televisão ou do computador, ajuda para uma alimentação irracional", afirma a nutricionista Lauren O’Connor. A situação pode se agravar se o programa preferido for um suspense ou algo que gere algum tipo de tensão. "Isso estimula a produção de adrenalina e, consequentemente, estimula a nossa vontade de comer", comenta Lauren. 

Diane Sanfilippo, também nutricionista, diz que a gula pode ficar ainda maior se você fizer uma maratona de séries à noite. "Perder o sono ou passar da hora rotineira de dormir é um gatilho para que você tenha vontade de comer doces e carboidratos no dia seguinte", explica. 

Mas você não precisa cancelar a assinatura no Netflix. A dica das especialistas é fazer pausas para comer. De tempos em tempos, sai da frente da televisão, prepare a refeição e, depois, volte à maratona de séries. 

Cuidado com o tempo que você passa diante da televisão
Thinkstock Photos
Cuidado com o tempo que você passa diante da televisão


2. Falta de água

Podemos nem perceber, mas muitas vezes nem queremos comer nada, mas sentimos fome porque estamos com sede. A especialista em dieta Abbey Sharp orienta beber um copo de água quando achar que está com fome. Se ainda assim quiser comer, tudo bem. Se não, era apenas sede mesmo. 

Lauren O’Connor também ressalta a importância de se manter hidratado ao longo do dia. Sempre que puder, mantenha uma garrafa de água por perto, seja em casa ou no trabalho. 

3. Falta de sono

"Este é o culpado para muitos desejos inexplicados", afirma a nutricionista holística Vanessa Packer. Ela diz que a falta de padrão de sono pode atrapalhar a digestão e a alimentação. Não ter uma quantidade suficiente de horas de sono eleva o nível de cortisol e isso também estimula a vontade de comer. "Tendemos a desejar doces ou carboidratos simples para compensar nossa sensação de fadiga", comenta Lauren. 

Para solucionar o problema, especialistas indicam tentar ir para cama 30 minutos mais cedo. Para eles, com isso você pode diminuir os níveis de cortisol, controlar o apetite e regular o sistema digestivo. 

Leia também: Sono de qualidade é ingrediente fundamental para a beleza

4. Comidas 0% 

Só se alimentar de comidas lights e diets pode ser uma armadilha. O alimento pode até ter as calorias reduzidas, mas provavelmente será um industrializado e há um grande risco de ele não ser suficiente para surprir as necessidades de proteína e outros nutrientes. Resultado? Você vai querer comer e mais. 

A solução para isso é bem conhecida. Aposte em uma dieta equilibrada, com produtos caseiros e naturais para ter uma combinação ideal de proteína, fibras e carboidratos complexos. 

Leia também: Sirtfood - dieta fala em emagrecer comendo chocolate e bebendo vinho

5. Açúcar no café da manhã

O portal "Byrdie" cita ainda uma rotina muito comum dos americanos que pode arruinar a dieta: cereais açucarados no café da manhã. Por aqui, isso não é tão habitual, mas vale a pena prestar atenção à quantidade de açúcar ingerida na primeira refeição do dia. Segundo nutricionistas, uma refeição repleta desse ingrediente não trará saciedade por muito tempo. 

A recomendação é apostar em um café da manhã com proteína. Que tal um omelete ou uma crepioca ?

Crepioca pode ser uma boa pedida para começar o dia
Edu Cesar
Crepioca pode ser uma boa pedida para começar o dia



6. Chiclete

Goma de mascar é outra armadilha, segundo os especialistas consultados pelo site. O ato de mascar chiclete manda um alerta para o estômago, que vai ficar esperando por comida. Se quiser o sabor refrescante da goma de mascar, opte por beber água saborizada com rodelas de pepino e hortelã. 

7. Influência da família

Levante a mão quem nunca viveu essa situação: reunião de família e sua tia ou avó sempre fala que você precisa comer mais um pedaço de bolo ou uma fatia de pizza. Cuidado com os exageros. Saiba dizer que está satisfeita e recusar essas ofertas com elegância. 

8. Manias de criança

Quando era pequena, sempre comia um doce após o almoço? Ou quando se machucava, seus pais lhe davam um chocolate para você se acalmar? Essas lembranças podem ser boas, mas também podem despertar desejos por comidinhas quando você não está com fome de verdade. A indicação é tentar mudar o hábito aos poucos. Prefira um chocolate amargo para a sobremesa ou troque o doce por uma massagem relaxante como recompensa, por exemplo. São coisas simples que não irão prejudicar sua dieta. 

    Leia tudo sobre: dieta
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.