Em quantidade limitada – e os refrigerantes entram na conta

Refrigerantes, chá preto e chocolate entram na conta da quantidade diária de cafeína
Stefan
Refrigerantes, chá preto e chocolate entram na conta da quantidade diária de cafeína
Grávidas podem ingerir cafeína, limitando-se entre 4 e 6 xícaras por dia. De acordo com a nutricionista da Universidade Federal de Pelotas, Carla Alberici Pastore, existem estudos que comprovam que o consumo de cafeína moderado não traz riscos ao bebê.

Leia mais: Gravidez semana a semana

É bom lembrar que refrigerantes, chá preto e chocolates também contêm cafeína e devem entrar nessa conta diária. “A cafeína em quantidades elevadas – acima de 300mg ao dia – pode ser causa de abortamento, restrição de crescimento fetal e prematuridade”, explica o ginecologista e obstetra Roberto Eduardo Bittar, da Faculdade de Medicina da USP.

A nutricionista Rita Goulart, consultora técnica do Conselho Regional de Nutricionista em São Paulo e professora da Universidade São Judas Tadeu (SP), orienta as gestantes a abolirem o cafezinho após as principais refeições (almoço e jantar). “O café possui substâncias conhecidas como ‘antinutricionais’, que podem interferir de forma negativa na absorção de nutrientes importantes para a gestante”, explica. Isso sem contar que em um período em que enjoos e azia são comuns o café pode piorar o mal estar gástrico.

Saiba tudo que a grávida pode ou não pode fazer durante a gestação

    Leia tudo sobre: gravidez