Tamanho do texto

Hora de preparar a mala e cair no mundo! Confira algumas dicas de roteiros incríveis e lugares que são a sua cara!

Mulher olhando paisagem em ponte
Divulgação
Com alguns cuidados, viajar sozinha pode ser uma excelente aventura

Existem milhares de sites de turismo e guias de viagens que oferecem roteiros para todos os cantos do mundo. Difícil é encontrar aquele que leva em consideração algumas particularidades da vida de quem é mulher, mãe, companheira ou solitária: os anseios femininos .

Às vezes pode ser uma viagem para purificar e desestressar, com direito a templos famosos ou spa de relaxamento. Ou um roteiro com os melhores lugares para fazer aquelas tão sonhadas comprinhas. O iG separou algumas dicas preciosíssimas para quem quer colocar o pé na estrada e encontrar algum canto do mundo que tenha um sentido especial para quem tem a alma feminina.

Stephanie Elizondo Griest, autora do livro 100 Viagens Que Toda Mulher Precisa Fazer (Ed. Novo Conceito), montou um guia interessante com particularidades do universo das mulheres. Depois de viajar para mais de 25 países, ela resolveu criar um roteiro exclusivamente para elas . Selecionamos 10 destinos incríveis que você não pode perder e identificamos cada uma com um perfil diferente. Veja qual é o seu:

Grandes mulheres da História

1. Coyoacan, México

É a cidade de Frida Kahlo e isso já bastaria uma visita incrível. O fantástico fica por conta do passeio pela Casa Azul, onde a pintora morava. Além de encontrar as suas intensas obras de arte, lá estão alguns objetos pessoais, como os belíssimos vestidos bordados, as joias pré-colombianas e até as cartas de amor para Diego Rivera. Antes de sair da cidade, não se esqueça de tomar uma autêntica tequila, uma das bebidas favoritas da Frida.

2. Rouen, França

Trilhar os caminhos feitos por Joana D'Arc faz qualquer mulher sentir de perto a força dessa mártir e heroína. A cidade em que ela morreu se tornou um centro de peregrinação. Visite a torre onde ela foi mantida prisioneira, a igreja em que foi condenada e a cruz de 20 metros que marca o lugar de sua morte. Não se esqueça de passar no Musée Jeanne DArc, com bonecos de cera que representam cenas importantes da vida dessa lutadora.

3. Rancho La Puerta (San Diego, EUA)

Desde 1940, esse spa se dedica a sua mente, corpo e alma. Além de oferecer pilates, ioga e meditação, o espaço realiza palestras para falar de assuntos sociais e políticos. O lugar fica ao pé de uma montanha e conta com uma variedade incrível de massagens, saunas e banhos de ervas . Em agosto, há semanas exclusivas para mulheres.

4. Dubai (Emirados Árabes)

Vista panorâmica de prédios
Divulgação
Dubai é a cidade mais populosa dos Emirados Árabes Unidos


A autora do livro garante: depois de encarar as lojas abaixo, você pode dar adeus ao seu terapeuta. A cidade de Dubai é conhecida por ser a capital das compras do Oriente Médio . Fuja dos roteiros convencionais do mundo fashion e descubra preços incríveis do outro lado do mundo (lá eles estão livres de impostos). Entre janeiro e fevereiro acontece o Festival de Compras, com descontos de até 75 % em marcas glamorosas como Donna Karan, Tiffany, Armani, Prada... Só cuidado para não exceder o peso das malas na volta!

5. Bruges (Bélgica) 

Vista de rio com casas em Bruges, Bélgica
shutterstock
Bruges é a capital da província de Flandres Ocidental

Todo mundo sabe que chocolate belga é divino. Isso já indica que você está no lugar certo. Para complementar, é lá que fica o Choco Story: The Chocolate Museum, uma perdição para as amantes do doce. Nesse roteiro, é imprescindível deixar de lado aquelas tabelinhas que contam as calorias!

Sensualidade e lingerie

6. Paris (França)

Vista da Torre Eiffel
shutterstock
Torre Eiffel, clássico ponto turístico da França

Herminie Cadolle ficou conhecida ao cortar um corselete ao meio, em 1889, e assim libertar as mulheres ao criar o primeiro sutiã. Sua loja, dirigida atualmente por sua tataraneta, é o um dos lugares mais chique para se comprar uma peça. Os sutiãs bordados à mão são verdadeiras obras de arte!

Mexe a cadeira

Vista panorâmica de Istambul
shutterstock
Istambul é a cidade economicamente mais importante da Turquia

7. Istambul (Turquia)
O Oriente Médio é a terra natal da dança do ventre. Para aguçar a sua feminilidade, assista a um excelente show na Orient House, em Istambul. Você vai descobrir que, além da sensualidade, a dança é um excelente modo de se conectar consigo mesma .

Para renovar

Rua com lojas
Ethan Miller/Getty Images
A famosa Rua Bourbon, em Nova Orleans

8. Nova Orleans (EUA)
Foi no bairro do meretrício que surgiu o jazz, em meio a tantas mulheres e uma animação inigualável. Isso antes do furacão Katrina, em 2005. Participar da reconstrução como voluntária e ver de perto a força das mulheres que lutam devolver à cidade toda a sua alegria é fundamental para recarregar a sua fé. Vale a pena se refugiar por lá!

Em busca de iluminação

9. Varanasi (Índia)
Deixe de lado todas as fundamentações ocidentais. Conhecer o Ganges e vivenciar os hábitos da comunidade local é uma experiência incrível. O rio é descrito como uma deusa que segura um vaso transbordante, símbolo da fertilidade. Os mais de 2.500 km de extensão abastecem uma em cada 12 pessoas do mundo!

Lar, doce lar

10. Sua cidadezinha
Nenhum destino tem tanto significado quanto a nossa terra natal , afirma a autora. Que tal fazer uma viagem pela sua história? Vá à cidade onde nasceu, percorra as ruas da sua primeira casa, descubra onde vivam os seus pais. É reencontrar o que já foi visto e vivido com outros olhos!

Leia também: Vai viajar? Confira exerícios para fazer em qualquer lugar, longe da academia