João Bidu

O Poder do Ar e a Magia das Defumações
Sérgio Olens
O Poder do Ar e a Magia das Defumações

Dentre os quatro elementos da natureza, o Ar, é talvez o elemento mais percebido, identificado e de maior contato diário do ser humano, através simplesmente da respiração. O Ar simboliza o sopro da vida e está associado ao início de tudo, ao intelecto humano, aos processos mentais, a intenção e a capacidade criativa do homem. Através do raciocínio e da razão nos conectamos com este elemento tão mutável e expressamos todo o seu poder diariamente através das nossas palavras.

De forma mágica e ritualística podemos encontrar como representação desse elemento as invocações realizadas, as penas de pássaros utilizadas em encantamentos e a lâmina dos punhais usados para direcionar energia ou traçar um círculo. Porém, o uso mais comum e popular deste elemento, podemos encontrar através das defumações e o uso dos incensos nos altares das religiões e nas casas de seus adeptos. 

O ato de defumar um espaço, quando bem direcionado e com intenção clara, cria uma aura em todo o espaço onde a fumaça passa, seja num ambiente ou ao redor do corpo de uma pessoa. Para essa prática, o correto é o uso de ervas em seu estado seco e o estudo e conhecimento sobre suas finalidades ritualísticas. Sabendo quais ervas devem ser usadas para cada caso, através da defumação podemos repelir ou atrair energias e promover o equilíbrio ideal. Existe um repertório de ervas, cascas e resinas que podem ser utilizadas para diversas finalidades. Pode combinar no mínimo três elementos para fazer uma defumação eficaz, cruzando os quatro cantos de cada cômodo.

Para Defumação de Limpeza

Alecrim, Arruda, Aroeira, Casca de Alho, Eucalipto, Guiné, Arruda, Sálvia.

Para Defumação de Prosperidade

Anis Estrelado, Calêndula, Camomila, Canela, Cravo, Louro, Manjericão, Oliveira, Pétalas de Rosa Amarela e de Girassol.

Para Defumação de Amor

Almíscar, Alcaçuz, Casca de Maça, Cardamomo, Hibisco, Jasmim, Pétalas de Rosa Vermelha e Cor-de-Rosa, Verbena.

Você viu?

Além do uso de ervas para grandes defumações, é comum o uso de incensos naturais acesos em ambientes com a finalidade de trazer equilíbrio ao ambiente religioso ou residencial. Muito usado nas práticas de meditação, o incenso, de preferência os de massala, podem ser acesos, passados ao redor de uma pessoa ou deixados nos cantos da casa.  É uma forma simples de se conectar com o elemento Ar e utilizar seus benefícios para alcançar a paz, a criatividade e o equilíbrio pessoal e dentro das práticas de Magia Natural, este elemento além de essencial é um dos primeiros a serem invocados nos rituais.

+ Inscreva-se no Clube João Bidu e receba conteúdo exclusivo! Basta baixar o app do Telegram no seu celular e entrar neste  LINK !

TEXTO:  Sérgio Olens | Terapeuta Holístico e Oraculista

INSTAGRAM: @sergio.olens

LEIA TAMBÉM:

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários