João Bidu

Saiba pela Astrologia como escolher um trabalho que lhe dê prazer
Vanessa da Rocha
Saiba pela Astrologia como escolher um trabalho que lhe dê prazer

A astróloga Anna Maria Costa Ribeiro cita em um dos seus livros que “trabalhar é fazer com  prazer o que você sabe fazer”. Acontece que grande parte das pessoas que estão hoje no mercado de trabalho, são de gerações em que foram estimulados a trabalhar para ter coisas e não para ser, ou seja, para fazer com prazer o que sabemos fazer de melhor. O que abre cada  vez mais espaço para discussão de se é possível trabalhar com prazer nos tempos modernos.  

Atendo diversas pessoas, que procuram na consulta de Mapa Astrológico, um direcionamento  sobre suas carreiras por estarem insatisfeitas. Algumas por não se sentirem realizadas no que fazem, outras por acharem que estão estagnadas, que o que fazem não faz sentido para elas e  

algumas mulheres que gostariam de ter mais tempo para a família, mas a rotina empresarial as consome.  

E o curioso é que nem sempre essas pessoas estão em profissões erradas, ou completamente  fora do seu perfil quando analisamos o Mapa Astral, em muitos casos a insatisfação que elas trazem para a consulta trata-se de alguma necessidade individual que não está sendo atendida  ou sua identidade não está encontrando um canal de expressão. Consequência de uma falta de  dedicação e até de estímulo para olharmos para nós mesmos e reconhecermos nossas  necessidades como indivíduos. 

Costumo orientar as pessoas sinalizando que não há um único caminho de satisfação  profissional analisando o Mapa Astral, até porque hoje em dia, diferente da época das  predições astrológicas da idade média, a variedade de profissões a nossa disposição é enorme. Por isso, mais importante do que definir qual é a profissão ideal, como se só houvesse uma opção, é refletir sobre em quais atividades, rotinas, ambientes, estilo de atuação você terá  mais espaço para aplicar suas habilidades, expressar sua identidade e sentir prazer no que faz. 

E caso você esteja nesse momento se identificando com algumas das insatisfações que cito  aqui, um passo relativamente simples para começar a refletir sobre o que você sabe fazer de  melhor, é analisar no seu Mapa Astral em que signo estão o seu Sol, a Lua, o Ascendente e o  Meio do Céu. 

O signo Solar é a nossa identidade, nosso talento natural, aquilo que somos em essência e que  queremos expressar, a forma como queremos iluminar o mundo lá fora. Costumo dizer que  todo o Mapa Astral gira em torno do Sol, assim como os planetas no sistema Solar, por isso conhecer o seu signo Solar com profundidade pode contribuir muito para que você reflita  sobre o que irá te realizar.  

A Lua é a nossa motivação emocional, aquilo que nos empurra para fora da cama todos os dias e nos faz sentir que tudo o que temos feito vale a pena. Atender as nossas necessidades lunares são a nossa nutrição diária para buscarmos o nosso Sol. 

Já o Ascendente fala sobre a nossa personalidade, a forma como conquistamos as coisas, por isso, é a nossa ferramenta para a conquista e para fazermos a nossa caminhada. E o Meio do  Céu é a nossa forma de ver o mundo lá fora, a imagem que passamos para as pessoas e as metas que estamos buscando. 

Quando você consegue integrar esses pontos do seu Mapa Astral na sua expressão pessoal e profissional o céu é o limite, ou melhor, pode não haver mais limites. O Sol, Lua e Ascendente são os três pontos fundamentais da expressão da sua personalidade e o Meio do Céu a sua direção. Com o conhecimento profundo da sua personalidade e sabendo a direção que deseja seguir, você amplia a consciência sobre o que te traz satisfação no exercício profissional, sobre  quem é você e aumenta e muito as chances de se sentir realizado nessa área. 

Você viu?

A conversa com um Astrólogo profissional certamente te ajudará a aprofundar o conhecimento sobre as características desses pontos no seu Mapa Astrológico e a compreender o que pode estar causando frustrações ou insatisfações com a sua carreira. E mesmo que não haja insatisfações, tomar consciência de quem você é, o que te motiva, como você age e o que sua alma verdadeiramente deseja, certamente te diferenciará no mercado de  trabalho. 

Para que você possa começar a fazer essa autoavaliação, tenha em mãos o signo do seu Sol, Lua, Ascendente e Meio do Céu no Mapa Astral, se atente aos significados de cada um desses pontos que citei aqui e junte essa informação com algumas palavras-chave para cada um dos doze signos abaixo. 

ÁRIES: Iniciativa, conquista, pioneirismo, empreendedorismo, movimento, resultados rápidos.  TOURO: segurança, recursos materiais, estabilidade, constância, sentir prazer (conexão com os  5 sentidos).  GÊMEOS: flexibilidade, adaptação, comunicação, negociação, movimento, novas ideias e possibilidades.  CÂNCER: emotividade, conservar e valorizar a tradição, cuidar, prestar serviço, segurança  emocional.  LEÃO: criatividade, liderança, poder se expressar, obter reconhecimento, organização, ter autoridade.  VIRGEM: aprecia os detalhes, busca a perfeição, desenvolve metodologias, organização, praticidade, quer estar a serviço de algo útil.  LIBRA: mediação, diplomacia, harmonia estética e nas relações, a beleza, gentileza,  imparcialidade, cooperação.  ESCORPIÃO: estratégia, profundidade, autonomia, independência, intensidade emocional apesar de não demonstrar, determinação, controle.  SAGITÁRIO: liberdade, expansão, aventura, novos horizontes, busca pelo conhecimento e pelo sentido das coisas, visão do todo, disseminação de ideias.  CAPRICÓRNIO: disciplina, método, responsabilidade, ambição, busca pelo status, estruturação, maturidade, seriedade.  AQUÁRIO: inovar, romper padrões, originalidade, liberdade de expressão, autonomia, intuição, inconvencional, expressar e ser reconhecido pela sua diferença. 

  • PEIXES: doação, empatia, abnegação, visionário, sensível, artista, espiritualista, desprendido,  adaptável, idealista, envolvimento emocional, quer estar a serviço de algo com significado. 
  • ​Que o ano de 2021 possibilite que expressemos o que sabemos fazer de melhor e comecemos  a ressignificar a nossa relação com a nossa atividade profissional fazendo algo que nos traga  não somente recursos, mas também prazer.

    TEXTO:  Vanessa da Rocha | Astróloga Vocacional e Empresarial

    INSTAGRAM:  @vanessadarocha.astrologia 

    LEIA TAMBÉM:

      Veja Também

      Mais Recentes

        Comentários