Tamanho do texto

Com curadoria de Maria Angélica Izar de Almeida Prado, leilão tem mais de 50 grifes e lances iniciais de R$ 50 a R$ 30 mil

Ter uma bolsa Louis Vuitton é quase um sonho para muitas mulheres, um desejo praticamente inatingível pelos preços praticados na maison francesa. Mas, neste mês, uma peça LV e de outras marcas hypadas - como Chanel, Michael Kors, Dior, Prada - , pode ficar bem acessível aqui mesmo, no Brasil.

Modelo Louis Vuitton em couro EPI caramelo
Divulgação
Modelo Louis Vuitton em couro EPI caramelo


É que a Dedalo Leilões coloca à disposição das clientes alguns lotes especiais de acessórios de dezenas de marcas luxuosas. São 506 itens como bolsas, malas de viagem, carteiras e pastas de segunda mão que terão lances finais nos dias 15 e 16 de setembro.

De R$ 50 a R$ 30 mil

Com curadoria de Maria Angélica Izar de Almeida Prado, são mais de 50 marcas, com lances iniciais que variam de R$ 50 a R$ 30 mil. Para aqueles que quiserem visualizar os produtos pessoalmente, o showroom da empresa fica aberto nesta segunda-feira (14), das 10h às 19h, na Rua Oscar freire, 246, nos Jardins, em São Paulo.

Os  produtos terão o martelo batido em dois dias: na terça (15), às 20h30, encerram os 251 produtos de 38 de marcas, como Louis Vuitton, Chanel, Dior, Hermès, Kate Spade e Michael Kors. Já na quarta (16), terminam os 255 itens restantes. Serão 33 marcas, entre elas: Giorgio Armani, Gucci, Prada, Fendi e Salvatore Ferragamo. Os preços praticados contam com valores de até 70% abaixo do mercado.


Oportunidades

Entre os destaques, uma Louis Vuitton com lance inicial de R$ 50, feita em couro Epi na cor caramelo. Um outro lote da mesma marca está a bolsa do modelo Brea, feita em couro de crocodilo na cor roxa, metais e adesivos protetores da base e alça removível. Esta última tem como base R$ 30 mil. Ambas foram fabricadas na França.

O leilão conta também com um exemplar da Fendi, modelo vintage circa de 1970, feita em couro de crocodilo na cor marrom, trunk com cinco compartimentos e fechamento com segredo. A peça foi fabricada na Itália. O lance inicial é de R$ 6.500. Outra oportunidade é a bolsa modelo Bolide, da Hermès, feita em couro Togo na cor laranja com valor de venda a partir de R$ 10.500.