Tamanho do texto

Na verdade, os homens obesos são os principais responsáveis pelos filhos serem gordinhos

A culpa pelo excesso de peso nas crianças sabe de quem é? Do pai! A conclusão de um estudo realizado por cientistas da Universidade de Copenhague, na Dinamarca, sugere que o um homem obeso aumenta bastante a probabilidade de o filho ser igualmente gordinho, já que a predisposição para obesidade está no espermatozoide.

Pais gordinhos, filhos gordinhos. Está no espermatozoide
Getty Images
Pais gordinhos, filhos gordinhos. Está no espermatozoide


De acordo com a pesquisa, as regiões dos genes destinadas para o controle do apetite da criança dependem se o pai é magro ou gordo no momento da concepção. Foram comparadas as marcas epigenéticas – fatores ambientais que interferem com a qualidade do esperma – de 13 homens saudáveis e 10 homens considerados gordos, que revelaram diferenças notórias entre aqueles que tinham um peso normal ou um peso mais elevado. 

Dos 10 rapazes obesos, seis foram submetidos a uma cirurgia de redução de estômago e os resultados mostraram mais de cinco mil alterações estruturais no DNA do esperma. E os genes responsáveis pelo controle do apetite da criança passaram a ficar ativos, o que não acontecia quando o homem tinha sobrepeso.

"O nosso estudo pode provar uma alteração no comportamento dos homens, especialmente antes de pensar em engravidar a parceira. As mulheres devem cuidar da sua saúde antes e durante a gravidez, como não beber álcool e se prevenir contra a poluição. Essas recomendações também devem ser para os homens", diz o relatório publicado na revista "Cell Metabolism".

    Leia tudo sobre: Gravidez
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.