Tamanho do texto

"Sempre tive um porte corporal grande, eu tinha emagrecido bastante, então não notei nenhum ganho anormal de peso", lembra a inglesa Chelsea Clatworthy

A inglesa Chelsea Clatworthy tinha apenas 16 anos e não desconfiou que estava grávida durante os nove meses de gestação. As alterações no corpo foram confundidas com estresse e as dores nas costas, com diagnóstico de escoliose. A gravidez só foi descoberta quando o bebê começou a coroar. As informações são do site britânico Mirror. 

O susto aconteceu em 2010 e hoje ela prepara-se para comemorar o quinto aniversário do filho, Lorenzo. 

Chelsea tinha 16 anos e descobriu que estava grávida quando começou a dar à luz
Mirror/ Arquivo pessoal
Chelsea tinha 16 anos e descobriu que estava grávida quando começou a dar à luz

"Sempre tive um porte corporal grande, eu tinha emagrecido bastante, então não notei nenhum ganho anormal de peso. Além disso, 2010 foi provavelmente o ano mais estressante da minha vida. Então as mudanças no meu corpo não foram minha prioridade", explica Chelsea.

Depois de dois dias com dores intensas nas costas, Chelsea finalmente descobriu o motivo. "Eu não conseguia comer, dormir, fazer nada. Minha mãe recomendou que eu tomasse um banho e descansasse, foi o que fiz. A privada foi o lugar mais confortável que havia achado naqueles dias, então decidi ficar ali para a dor ir embora. Depois de 20 minutos percebi que algo estava errado, foi quando senti a cabeça do bebê coroar. Gritei por ajuda e meu irmão me ajudou a tempo", lembra sobre o primeiro momento do parto.

Então houve uma mobilização para garantir que o bebê ficaria bem. Como ele ainda não havia chorado, a mãe de Chelsea limpou as vias nasais para a respiração. Ligaram rapidamente para o socorro e três ambulâncias chegaram em questão de minutos. 

Lorenzo contou com a ajuda de muitas pessoas
Mirror/ Arquivo pessoal
Lorenzo contou com a ajuda de muitas pessoas

Durante os quatro dias que Chelsea ficou com o filho no hospital, seu irmão e sua mãe passaram pela vizinhança arrecadando coisas de bebê que não eram mais usadas. Eles passavam por dificuldades financeiras na ocasião e tiveram toda a ajuda que precisaram. 

Na época, Chelsea morava na Espanha. Atualmente ela vive em Aylesbury, na Inglaterra. Lorenzo é uma criança saudável. "Não vejo a hora que ele seja capaz de entender toda a sua história, ele é o menino mais maravilhoso que existe", diz a mãe. 

Chelsea se prepara para comemorar o quinto aniversário de Lorenzo
Reprodução
Chelsea se prepara para comemorar o quinto aniversário de Lorenzo



    Leia tudo sobre: Gravidez
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.