Tamanho do texto

Brincar em lugares abertos e até mesmo rasgar papel são importantes para o desenvolvimento motor do seu filho

A coordenação motora é o que permite que as pessoas sejam capazes de dominar seu corpo no espaço. Segundo Manoella Carminatti, pedagoga do Colégio Itatiaia, o ideal é que a coordenação motora seja incentivada dos zero aos seis anos.

Leia também: Como estimular o desenvolvimento das crianças com atividades educativas

“Nós começamos as atividades desde o berçário e vamos mudando conforme a idade”, conta Manoella. Nos primeiros anos de vida, o ideal é incentivar a coordenação motora ampla, que inclui aprender a engatinhar e andar, por exemplo. As atividades que a pedagoga sugere para estimular este aprendizando são as que envolvem obstáculos: como andar, engatinhar e correr em circuitos com túneis, bambolês entre outros.

A coordenação motora fina, que envolve principalmente o controle das mãos e dedos, deve ser mais estimulada depois que a criança já aprendeu a andar.

Leia também: 100 brincadeiras: escolha a ideal para fazer com seu filho

“Até os 2 anos, geralmente, não se dá lápis e papel, porque o objetivo é desenvolver a coordenação motora ampla para depois inserir os exercícios mais intensos”, comenta a pedagoga.

>> Veja atividades para ajudar a desenvolver a coordenação motora do seu filho:



Leia também: Entenda a importância do brincar

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.