Tamanho do texto

A dificuldade de criar filhos da mesma idade leva a equívocos que podem prejudicar o desenvolvimento infantil; veja na galeria de fotos erros na rotina dos irmãos

Thinkstock/Getty Images
"Os gêmeos podem até usar roupas parecidas, mas mude a cor ou estampa, e permita que cada um escolha o que deseja usar”

Cuidar de um filho é bastante trabalhoso, quando são dois e eles ainda vêm juntos o trabalho é multiplicado. Em razão dessa dificuldade, os pais tendem a tratar as duas crianças como se fossem uma só: “Colocar na mesma escola, no mesmo esporte, comprar a mesma roupa e até mesmo usar o mesmo penteado. Observamos que os pais fazem isso pela facilidade e também por ser bonitinho”, afirma a psicopedagoga Ana Cássia Maturano. Mas o problema é que essas atitudes acabam dificultando a expressão da personalidade de cada um.

A psicóloga infantil e psicopedagoga Gabriela Luxo dá uma sugestão aos pais de gêmeos: “Eles podem até usar roupas parecidas, mas mude a cor ou estampa, e permita que cada um escolha o que deseja usar, sempre que possível”.

Também por uma questão de praticidade, gêmeos geralmente ficam no mesmo quarto quando pequenos, mesmo quando são de sexos diferentes. Neste caso, para que as crianças não percam a individualidade, Gabriela sugere que haja uma separação de brinquedos e itens de cada um. Ela ainda defende que essa diferenciação faz com que as crianças aprendam a dividir as coisas desde cedo.

Festejar aniversário junto é outro fato recorrente quando se tem gêmeos. Ana Cássia dá uma dica para ainda nesta ocasião: respeitar o desejo e a individualidade de cada um. “No aniversário, pelo menos na hora do bolo, cada um pode ter o bolo do seu personagem preferido. Isso valoriza a diferença entre eles”.

Comparação

Ainda sobre o respeito à individualidade de cada criança, Gabriela alerta: “Os pais têm que perceber que as crianças podem ser idênticas, mas acontece de terem características e vontades diferentes”. Por serem pessoas e personalidades distintas, Gabriela ressalta que a comparação na escola ou em qualquer outro âmbito não é válida. “A comparação nas atividades é prejudicial. Apontar uma dificuldade e expor numa roda de família, por exemplo, é ruim. O importante é perceber que cada um tem o seu potencial e o que pode desenvolver a partir dele” aponta.

Veja abaixo erros que os pais cometem com filhos gêmeos:


Leia também:
10 fotos que os pais não devem compartilhar nas redes sociais
Fotografia para anunciar a chegada do novo bebê dá errado

>>> Curta a página do Delas no Facebook e siga o @Delas noTwitter <<<

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.