Tamanho do texto

Ensaio é um protesto contra a culpabilização da mulher: "Não há tipo de roupa que faz os estupros ocorrerem"

Cansada da pergunta "o que você estava vestindo?", perguntada quando alguém sofre um estupro, a fotógrafa americana Katherine Cambareri, que vive em um campus universitário, decidiu fazer uma série de fotos das roupas que algumas mulheres vítimas de estupro estavam realmente usando no momento do crime

Uma vítima de estupro estava com esta roupa
Katherine Cambareri
Uma vítima de estupro estava com esta roupa

"Isso realmente me incomoda, porque estupro é um ato de controle e poder e não tem nada a ver com o que a pessoa está vestindo. Apesar disso, as vítimas são frequentemente culpadas pelo abuso que sofreram com a ideia errada de que elas provocam os agressores por usarem roupas 'ousadas'", escreve Katherine em seu site ao explicar o que a motivou a fazer este ensaio. 

Calças jeans, camisetas e tênis foram algumas das roupas que a fotógrafa descobriu e registrou e prova que: "Não há tipo de roupa que faz os estupros ocorrerem".

Veja na galeria abaixo mais peças de roupas que Katherine registrou: