Tamanho do texto

Amor e trabalho: veja como será o ano para os arianos com as previsões da astróloga Monica Horta

Previsão para Áries: Em termos afetivos, os arianos devem viver um ano movimentado e inesquecível
Arte iG
Previsão para Áries: Em termos afetivos, os arianos devem viver um ano movimentado e inesquecível

Quem nasceu no tempo de Áries começará o ano do calendário mundano um pouco melancólico e atrapalhado por um problema que não costuma fazer parte da sua natureza: a dúvida. Isso acontece por causa da presença de Marte, o regente deste signo na casa de Vênus, que é Libra. Segundo a tradição astrológica, Marte, o deus da guerra, está fraco quando passa por Libra, um signo que de deseja a paz. 

Mas a melancolia vai durar muito pouco, já que no dia 3 de janeiro entrará num dos signos onde está mais forte: Escorpião. Este é um dos seus domicílios celestes que, desde o século passado, divide com Plutão, que até então não tinha sido descoberto. Janeiro, fevereiro e o começo de março são meses de conquistas e de regeneração tanto psicológica como física para todos os arianos

Na chegada do ano novo astrológico, ele já vai estar em Sagitário com sua impetuosidade freada por Saturno, em harmonia com Urano, que continua em Áries, e com a Lua que vai estar em Leão. E é através da análise do céu deste dia que podemos avaliar melhor as perspectivas para o ano que vai começar.

Em 2016, os arianos serão um dos grupos que mais vai se beneficiar do final na quadratura entre Urano e Plutão. A diminuição da tensão geral vai permitir que os arianos usem sua força e sua coragem com muito melhor resultado.   

Como Urano continua neste signo até maio de 2018, as mudanças bruscas, radicais e inesperadas vão continuar acontecendo, mas a influência moderadora de Saturno ajudará a lidar muito melhor com elas. 

Amor

Em termos afetivos, os arianos devem viver um ano no mínimo movimentado e no máximo inesquecível.

Se olharmos o céu do ano novo astrológico, vamos encontrar Vênus no signo de Peixes, em conjunção com Netuno. O senhor deste signo só entra em sua própria casa uma vez a cada 168 anos. É verdade que chegou em 2011 e vai permanecer por lá até 2025, mas durante estes 14 anos a imaginação de toda a humanidade está mais forte do que nunca. Este ano, por causa do encontro com Vênus, deixará o nosso imaginário individual diretamente ligado ao imaginário coletivo. Uma fonte inesgotável de amores, ideais e de obras de arte.

O complicado é que esta configuração preciosa está em oposição a Júpiter no signo de Virgem e em quadratura com Saturno em Sagitário. Esta configuração, que os astrólogos chamam de uma quadratura em T, pode fazer a imaginação distorcer a realidade e gerar a uma dificuldade enorme para transformar os sonhos em realidade. As oportunidades afetivas não vão faltar, mas pode ser muito difícil distinguir o possível do impossível,o real do imaginário.

Como o ano é regido pelo Sol, que comanda a casa dos romances e da criatividade dos arianos, as coisas vão correr mais tranquilas para quem conseguir escoar ao menos uma parte destes sonhos pelos canais da arte.             

Trabalho

A mesma Vênus que cria e alimenta todos os amores rege duas áreas da vida dos arianos. A maneira como eles avaliam a realidade concreta e as expectativas que colocam em todas as relações contratuais. Como ela está começando o ano em Peixes e em conjunção com Netuno, o imaginário e a distorção desse imaginário provocada por Saturno e por Júpiter vão interferir fortemente na vida profissional dos filhos de Marte.

Estarão favorecidas todas as atividades em que a imaginação seja uma ajuda e não uma forma de atrapalhar. O ano será ótimo para os artistas, pelo menos em termos de potencial criativo, mas eles vão ter de lidar com o agravamento de um problema que já enfrentam normalmente: a dificuldade em encontrar soluções práticas para mostrar ao mundo aquilo que criaram.

Os que não trabalham nesta área vão precisar aprender a transformar o trabalho em arte. Isto quer dizer encontrar maneiras criativas de realizar as suas tarefas. Até setembro, com Júpiter em Virgem, o desafio vai ser se organizar melhor e não se comprometer com mais trabalho do que podem realizar. A partir daí, com Júpiter entrando em Libra, chegará ajuda e todos os contratos e relações de parceria podem ser bem sucedidos.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.