Tamanho do texto

Análise estatística do mês de nascimento de celebridades aponta que pessoas nascidas sob certos signos astrológicos são mais suscetíveis a se tornarem famosas

A personalidade das pessoas tende a variar um pouco de acordo com a época do ano em que elas nasceram , e signos astrológicos podem ter sido desenvolvidos como um sistema útil para lembrar estes padrões, argumenta o cientista social Mark Hamilton, em uma análise publicada recentemente pelo departamento de Pisciologia da Universidade de Connecticut (EUA). Estes efeitos sazonais podem não ser claros em indivíduos, mas podem ser discernidos em traços de personalidade de toda a numerosa geração nascida em uma mesma época do ano.

Por exemplo, pessoas nascidas em janeiro e fevereiro tendem a ser mais criativas , e têm maior chance de serem diagnosticadas com esquizofrenia do que pessoas nascidas em qualquer outra época do ano. E quem nasce em meses ímpares tende a ser mais extrovertido do que os nascidos em meses pares.

Segundo a análise, pessoas nascidas em janeiro e fevereiro tendem a ser mais criativas
Getty Images
Segundo a análise, pessoas nascidas em janeiro e fevereiro tendem a ser mais criativas

A astrologia tradicional ocidental usa elementos (água, terra, ar e fogo), dualidade de signo (brilhante/escuro)  e qualidades (cardinais, mutáveis ​​e fixos) para descrever e categorizar estes efeitos. Ela considera o período do fim de dezembro ao começo de março como um período molhado do ano, e conecta a umidade com a criatividade, por exemplo. Signos “fixos” são considerados mais teimosos e persistentes que outros .

Na pesquisa, Hamilton olhou para um conjunto de dados de 300 celebridades dos campos da política, ciência, serviço público, literatura, artes e esportes. E descobriu que as datas de nascimento dessas pessoas ilustres tendiam a se agrupar em certas épocas do ano. Signos de água eram mais associados à celebridades , assim como os signos classificados como brilhantes e fixos.

“Psicólogos querem descartar estas correlações astrológicas, mas existem efeitos que nós ainda temos de explicar” diz Hamilton.

O pesquisador esclarece que não está argumentando que corpos celestes sejam a real fonte desses efeitos. Para ele. os aspectos astrológico são ferramentas úteis ou heurísticas, que ajudam pessoas a lembrar o ritmo e os padrões da natureza.

Hamilton está, atualmente, trabalhando com outros pesquisadores na análise de 85 mil celebridades nascidas desde 3.000 a.C até a presente era. Ele diz que o efeito da sazonalidade na fama parece continuar verdadeiro mesmo neste grande conjunto de dados que atravessa milênios e culturas. Será?

Veja abaixo como é a beleza de cada signo:


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.