A moda inspirada na dança está em alta, e a nossa coluna foi atrás de ideias de quem entende do assunto para mostrar um pouco mais dessa tendência

A dança inspira a todos, até mesmo aos não praticantes da arte, e também a estilistas internacionais como Valentino, que criou uma linda coleção totalmente inspirada em roupas de balé. Das salas de aula para as ruas, essa tendência está conquistando a confiança das mulheres, afinal de contas quem não quer se sentir uma bailarina não é mesmo!?

Leia também: AeroPilates aumenta resistência, dá flexibilidade e define corpo; conheça

Roupas de balé inspiram a moda do dia a dia com saias, tulê e outras tendências
Reprodução
Roupas de balé inspiram a moda do dia a dia com saias, tulê e outras tendências


A nossa coluna conversou com a consultora de imagem e estilo Rita Heróína e ela nos deu dicas valiosas de como usar peças e looks lindos inspirados nas roupas de balé e nesse universo tão lúdico e encantador.

Estilo poético

Segundo a especialista em moda, essa tendência remete um ar de calmaria. "Considerando a situação atual que vivemos, de um mundo agitado, rápido e líquido, usar peças do balé e da dança tranquiliza e emociona tanto quem veste essa trend como quem vê pessoas vestidas assim. Acho pura poesia", analisa Rita. "Assim como a Pantone escolheu em 2017 o verde para acalmar a era tecnológica que vivemos, sinto que a inspiração traz leveza e nos ajuda a levar a vida de maneira tranquila e solta", completa. 

Para Rita, esse clima é transmitido pela leveza de plissados, babados e tulês, tão comuns às vestimentas do balé e que também cabem perfeitamente nas peças usadas no dia a dia. 

Leia também: Confira 13 filmes de dança para você se divertir

Dicas práticas

Rita Heroína mostra como a transparência pode compor o visual
Arquivo pessoal
Rita Heroína mostra como a transparência pode compor o visual

Para começar essa ideia de levar a vestimenta da sala de aula para a rua, a especialista, certificada pela Image Resorse Center Of New York, por Dominique Isbecque e membro da AICI nos Estados Unidos, dá dicas de como usar o body

“Eu sou uma apaixonada por essa peça, renda e transparência. Uso body com tela transparente no decote e saia longas e fluídas. Acho sexy, leve e confortável", detalha.

Outra peça que pode virar um curinga no guarda-roupa e tem tudo a ver com dança é a saia plissada . Segundo Rita, uma peça dessa nas cores preta ou cinza é atemporal e combina com qalquer estação. "No frio, você usa com camadas de peças fazendo sobreposições, com suéter, ou blusa de gola alta e trenchcoat por cima. Arremate o visual com uma bota. No verão, a saia plissada vai com t-shirt e rasteirinha, não tem erro". 

Rita diz que já aderiu a essa moda. "Agora que o tempo esfriou, estou curtindo muito usar saia longa plissada com suéter quentinho de cashmere". 

Saia longa também remete ao clima da dança
Arquivo pessoal
Saia longa também remete ao clima da dança

Ainda há a saia godê ou de tule , também versátil e que traz um ar romântico à produção. "É o tipo de peça que valoriza quem tem o tipo de corpo retangular, sem muitas curvas, porque cria a ilusão de cintura e valoriza os quadris", explica Rita. "Entretanto, essa é apenas uma ideia e não quer dizer que quem tem curvas ou um corpo mais cheinho não possa usar", completa.

Para um visual mais harmonioso, a sugestão de Rita é, ao usar uma peça volumosa na parte dos quadris, buscar equilíbrio aumentando os ombros. Para isso, escolha peças com listas horizontais, que podem ser grandes, para a parte de cima do look. Outra ideia é brincar com as cores, colocando tons mais escuros na parte inferior e os mais claros em cima. 

Aproveite agora todas essas dicas incríveis para levar as roupas de balé das salas de aula para as ruas e siga a coluna As Flávias no iG  para saber tudo sobre o universo da dança. 

    Leia tudo sobre: instaig
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.