Tamanho do texto

Quer ter ou já montou sua cozinha de ilha? Então, acompanhe essas dicas para deixá-la mais bonita e funcional

Elegantes e funcionais, as cozinhas com ilha são ideais para quem adora cozinhar e, ao mesmo tempo, estar próximo dos familiares e amigos. Neste tipo de cozinha, à exemplo de uma ilha, o móvel fica isolado dos demais, geralmente no meio do ambiente. Além disso, a largura dacozinha permite a livre circulação em todos os lados da bancada central. O ProCompra, plataforma de cotação e intermediação de móveis planejados, levantou algumas dicas para esse tipo de cozinha. 

Estilo e praticidade na cozinha de ilha
Divulgação
Estilo e praticidade na cozinha de ilha


1. Funcionalidade

É possível agregar várias funções que auxiliem na preparação dos alimentos. A arquiteta Adriana Ferreira, da Santa Irreverência Arquitetura e Construção, explica que as ilhas podem ser utilizadas como bancada de refeição, para cooktop, pia, apoio de utensílios de cozinha ou um misto destes usos. Para complementar o espaço, você pode incluir armários e até uma mesa para refeições.

2. Reforma

Na hora de fazer sua cozinha com ilha, além de um bom profissional para executar o projeto, talvez uma reforma seja necessária. De acordo com Adriana, as tubulações elétrica, hidráulica e de gás, por exemplo, devem passar pelo piso, embutidas ou não em alvenaria.

3.Dimensões

Segundo Lana Rocha, do escritório Lana Rocha Interiores, é necessário ter espaço suficiente de circulação entre a ilha e as bancadas fixadas às paredes. Para a designer de interiores, a distância ideal é de um metro entre a ilha e o restante dos móveis ao redor. Quanto aos móveis, é preciso observar se há distância suficiente para abrir e fechar portas e pegar objetos com facilidade.

“Devemos respeitar a distância mínima de 1m entre as bancadas e não ultrapassar a distância de 1,50m, pois, nesse caso, a distância fica muito longa entre a cuba e o cooktop, por exemplo, deixando o trabalho doméstico mais cansativo”, orienta a profissional.

A bancada da cozinha segue uma altura padrão, de  90cm. Já a largura e profundidade, variam de acordo com as possibilidades e funções dacozinha em questão, explica Lana.

Cooktop deve ficar separado da geladeira
Divulgação
Cooktop deve ficar separado da geladeira


4.Eletrodomésticos

Já quanto ao local de cada um dos eletrodomésticos, Lana afirma que a melhor disposição para eles é sempre triangular, conforme exemplo abaixo, o que garante mais praticidade e agilidade na cozinha.

É recomendado também separar o cooktop e/ou fogão da geladeira através da pia ou bancada seca, permitindo uma área de apoio para ambos. “Sempre coloque o equipamento que gera calor distante daquele que refrigera, pois isso gera economia de energia também”, garante Adriana.

5.Revestimento

O mercado brasileiro possui uma grande variedade de materiais de revestimento para a bancada da ilha. É recomendável que se utilize materiais mais resistentes e de fácil manutenção. Profissionais recomendam o uso do granito, mármore, aço inox e pedras sintéticas como “Corian” e o “Selestone”.

Estilo moderno e sofisticado
Divulgação
Estilo moderno e sofisticado


6.Coifa

Uma das marcas registradas dos projeto de cozinhas em ilha é o uso da coifa acima do fogão ou cooktop. Mas, de acordo com a arquiteta Adriana Ferreira, ela não é um item obrigatório. “O uso da coifa depende do tipo de alimento que se prepara na casa, da ventilação natural da cozinha ou ainda se ela é aberta para a sala”, explica.

Entretanto, se você não abre mão do equipamento, saiba que, além de maior potência de sucção quando comparadas aos depuradores, por exemplo, as coifas são ótimas para eliminar cheiros e evitar que a gordura se espelhe pela cozinha, visto que levam os odores para o ambiente externo através de um duto, indica a designer Lana Rocha.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.