Tamanho do texto

A arquiteta diz que um dos segredos para decorar o quarto do casal é prezar pela neutralidade e apostar em elementos funcionais. Veja mais sugestões

Fazer a decoração de quarto de casal pode ser uma experiência prazerosa, mas, ao mesmo tempo, um desafio na vida de recém-casados. É preciso conciliar o conforto e ainda as preferências dos dois ocupantes do quarto.

Renove a decoração do quarto

A arquiteta Ana Bartira afirma que na decoração de quarto de casal é preciso prezar sempre pelo conforto :“Como é um cômodo que as pessoas vão para descansar, é muito importante para a casa”.

Veja algumas dicas para fazer a decoração de quarto de casal de forma simples e sofisticada
Divulgação/Ana Bartira
Veja algumas dicas para fazer a decoração de quarto de casal de forma simples e sofisticada


Neutralidade

Para conciliar os desejos e opiniões do casal, uma das saídas indicadas pela arquiteta é a base neutra, principalmente nas paredes . Primeiramente, escolha se deseja apenas pintar a parede com uma cor única, aplicar papel de parede ou até tecidos. Em qualquer uma das opções, não é recomendado ter cores ou desenhos muito femininos nem muito escuros.

“O segredo é trabalhar as cores nos detalhes”, sugere Ana.

Iluminação

Também para agradar ambas as preferências, e prezar pelo conforto do quarto, a dica de Ana é mesclar iluminação direta e indireta. Luzes indiretas deixam o ambiente mais aconchegante, mas para quem gosta de ler no quarto, a arquiteta tem a solução: “Fazer rasgos no gesso com iluminação embutida, ou um lustre no meio do quarto – que também é uma forma de decorar”.

Valorize a casa com a iluminação correta

Móveis

Nos apartamentos pequenos de atualmente, poucas pessoas costumam ter um closet . Se esse for seu caso, preze pela neutralidade nos guarda-roupas também.

Outro móvel essencial em um quarto é o criado-mudo . Ana sugere dois, um para cada um, e "sempre com gaveta, porque é mais prático". Além de dispor itens como celular, despertador óculos e livros sobre o móvel, as gavetas servem para alojar os itens mais pessoais.

Uma aposta da arquiteta para os criados-mudos é a assimetria , mas sem exageros: "Não existe regra. Pode ser um redondo de um lado e retangular do outro se for um casal mais descolado. Se forem mais tradicionais, os móveis podem ser iguais, mas não necessáriamente do mesmo tamanho".

Se for optar por um aparador para colocar a televisão, Ana recomenda que tenha nichos que possam ser fechados para colocar aparelhos como o de televisão a cabo ou DVD de forma discreta.

Uma dica legal é ter uma poltrona - ou pufe se o espaço for pequeno - que é útil para colocar sapatos ou até colocar bolsa e casaco ao chegar em casa

Decoração funcional

Quando for escolher detalhes de decoração do quarto, é a hora de balancear os perfis do casal e também apostar nas cores. Pense no que cada um mais gosta para decidir o modelo da cortina e as cores de almofadas e roupas de cama .

Para Ana, ao pensar na decoração, deve-se pensar em funcionalidade, e ela dá mais algumas ideias.

A cabeceira da cama comprada a parte, pode ser um item de decoração fundamental em seu quarto, e Ana sugere as acolchoadas, por serem mais confortáveis: “As pessoas chegam ao quarto e querem descansar. Por isso, para assistir tevê ou conversar com o parceiro, a cabeceira acolchoada fica confortável e não precisa de milhões de almofadas”. 

Conforto em quartos pequenos

Outra sugestão da arquiteta são os painéis de espelho com iluminação atrás, ou de madeira, para colocar a televisão.

Entre os itens puramente decorativos, não é preciso abusar. Para Ana, apenas um porta-retrato  com foto do casal dá conta do recado, com estes outros itens funcionais como almofadas, cortinas e abajures como decoração de quarto de casal.

    Leia tudo sobre: casa
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.