Tamanho do texto

Assistir TV, ter festinha de aniversário e outros comportamentos também fazem parte dessa rotina

Antigamente, os cães domésticos eram acostumados a tomar conta das casas e passarem a maior parte do tempo nos quintais. Hoje em dia, os costumes são bem diferentes e é cada vez mais comum os donos dividirem tudo com seus bichinhos, até mesmo a mesma cama.

Pets são parte da família
Jessica Shyba/Momma's Gone City
Pets são parte da família

É o que destaca a pesquisada empresa DogHero. Foram entrevistadas 5.000 pessoas, de 19 a 45 anos, e 71% afirmaram que seus cães dormem em suas camas. Desse número, 43% disseram que isso acontece frequentemente e 28% responderam que a cena se repete de vez em quando.  

Números ainda mostram outros hábitos "caseiros" dos animais. Entre os entrevistados, 51% admitem que seus cães costumam assistir à televisão. Na sexta-feira à noite, 93% dos tutores preferem a companhia do peludo a sair para baladas.

Os pets são membros da família e ganham destaque em datas comemorativas. A cada aniversário do cachorro, 47% afirmaram ter vontade de fazer uma festa para comemorar. Dos 29% que já fizeram uma festinha de parabéns para o seu cão, 38% afirmam fazer todo ano. 

E não é só a liberdade dentro de casa que foi acrescentado na rotina dessas pessoas. Um estudo do IBGE publicado em 2015 revela que, no Brasil, o número de famílias que criam pelo menos um cachorro é maior do que as que têm crianças. São 52,2 milhões de cães contra 44,9 milhões de crianças no país. 





    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.