Tamanho do texto

Correr atrás do rabo, olhar fixo para objetos e outros comportamentos dos animais são um alerta de que eles precisam de ajuda médica

Ver um cachorro correndo atrás de seu rabo ou encostando a cabeça como se pedisse carinho pode até ser divertido. Mas, às vezes, esses comportamentos podem significar doenças e merecem atenção dos donos de pets.

Conversamos com os veterinários Andressa Felisbino e Rogério Monteiro para listar alguns desses comportamentos que merecem sua atenção. Veja abaixo: 

Correr atrás do rabo

Correr ou morder atrás do rabo pode ser um indicativo de doença
Reprodução
Correr ou morder atrás do rabo pode ser um indicativo de doença

"O animal correr atrás do rabo pode significar um problema de coluna. Algo pode estar errado com a coluna vertebral, o cachorro pode estar sentido dor ou dormência e a reação dele é tentar morder o rabo. Outra causa para a prática pode ser uma alteração psicogênica", explica Rogério Monteiro. 

Andar em círculos

via GIPHY

"O hábito pode ser uma alteração psicogênica parecida com a de correr atrás do rabo. É uma obsessão, algo parecido com as pessoas que tem mania de roer unha", conta Rogério. 

Bichinho de pelúcia

via GIPHY

"Esse problema acontece especificamente com as fêmeas. Após o cio, elas podem  desenvolver uma gravidez psicológica e adotar um bichinho de pelúcia, brincando e dormindo sempre com ele. A condição pode gerar aleitamento e infecção na mama e no útero", explica a veterinária Andressa Felisbino. 

Olhar para um objeto fixamente

via GIPHY

"Olhar para a parede ou objetos fixamente por muito tempo pode significar uma disfunção cognitiva, um problema do sistema nervoso. É parecido com o Alzheimer dos humanos", explica Rogério. 

Hábito de cavar

via GIPHY

"O hábito de cavar constantemente, em qualquer lugar, indica stress. É um comportamento diferenciado que mostra desequilíbrio", diz Andressa. 

Pressionar a cabeça contra algum objeto

Pressionar a cabeça contra uma superfície pode indicar problemas neurológicos
Reprodução
Pressionar a cabeça contra uma superfície pode indicar problemas neurológicos


"O dono pode achar que o animal está pedindo carinho, porém no momento em que ele pressiona a cabeça não só contra o dono, mas contra uma parede ou uma superfície, ele pode estar demonstrando um problema neurológico que precisa ser tratado", conta Andressa. 

Se esfregar na parede

Se o animal se esfregar muito na parede ou em algum objeto, é preciso ficar atento as doenças de pele
Reprodução
Se o animal se esfregar muito na parede ou em algum objeto, é preciso ficar atento as doenças de pele

" Também pode parecer uma busca por carinho, mas pode significar coceira e doenças de pele como dermatite ou pulga. É preciso tomar cuidado porque a pulga gera outras doenças como anemia", explica Andressa. 

Agressividade com outros animais

via GIPHY


"O dono pode achar que o animal não socializa com outros bichinhos por medo, mas, na realidade, é um problema comportamental que pode gerar vários outros, como a automutilação e, consequentemente, a doença de pele", finaliza Andressa. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.