Tamanho do texto

Para a alegria da audiência feminina, personagens das novelas têm deixado o tabu e as roupas de lado

A cena nu de Thiago Fragoso em
Reprodução
A cena nu de Thiago Fragoso em "O Astro" ficou entre os principais assuntos comentados no Twitter quando foi ao ar
Foi Tony Ramos o primeiro ator a tirar a roupa em uma novela. No papel de Marcio Hayalla, ele aparece saindo de casa nu na versão de 1977 de “O Astro”. Na ocasião, a câmera revelaria apenas o peitoral e uma marca de sunga logo abaixo da cintura, uma ousadia para as montagens da época. Agora, 34 anos depois, Hayalla é vivido por Thiago Fragoso, e ele mostrou muito mais que Tony já no primeiro capítulo do remake exibido pela Rede Globo: o bumbum do ator é filmado insistentemente quando ele fica sem roupa em uma festa. A audiência feminina agradece.

Além das tão exploradas curvas das atrizes, as tramas de telenovelas estão abrindo espaço para os corpos dos galãs. Aos poucos as câmeras ganharam intimidade também com o bumbum deles. “Em pleno século XXI, não acredito que o nu masculino ainda seja um tabu”, diz Mauro Alencar, Doutor em teledramaturgia brasileira e latino-americana pela USP.

CURTA A PÁGINA DO DELAS NO FACEBOOK E SIGA NO TWITTER

Ainda em “O Astro”, Rodrigo Lombardi (Herculano) também mostrou as curvas logo no início da trama. E até “Insensato Coração”, novela global do horário nobre, tem arrancando suspiros femininos ao mostrar os bonitões Lázaro Ramos (André) e Gabriel Braga Nunes (Léo) entrando e saindo do banho peladões – com um pouco de esforço é possível enxergar através do box embaçado. “É uma evolução dos tempos e que devemos muito à ousadia de nossa teledramaturgia. Se pararmos para pensar que em 1951 um fotógrafo não quis registrar um beijo entre os protagonistas de “Sua Vida Me Pertence”, com os atores Walter Forster e Vida Alves, até que estamos caminhando muito bem”, avalia Alencar.

Em 1987, a novela "Brega e Chique" chocou com uma vinheta de abertura que mostrava o modelo Vinícius Manne sem cueca. A cena chegou a ser censurada durante um período de exibição, com uma folha cobrindo parcialmente o corpo masculino. A partir do final de década de 80, produções como “Pantanal”, “Tieta” e “Xica da Silva” investiram na sensualidade e mostraram mais o corpo dos atores, homens e mulheres.

Mas será que as mulheres reparam tanto no bumbum do sexo oposto como os homens? A especialista em sexualidade Carmen Jansen diz que sim: “elas só sabem disfarçar melhor”. O peso do fator visual na excitação, porém, nem sempre é o mesmo. Segundo Jansen, o corpo do sexo oposto atrai no primeiro contato, contudo, para a mulher também é importante ser bem tratada para que a atração aconteça. “Se ele for sedutor, não precisa ser bonito e nem sarado, diz.

Polêmicos ou dignos de elogios, elegemos os melhores bumbuns. Confira e vote no melhor!





[]

    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.