Tamanho do texto

O ponto principal para que a posição "de quatro" seja gostosa é a excitação

O sexo é muito ligado às sensações que você sente e proporciona ao outro. Porém, para algumas mulheres, determinadas posições sexuais podem ser mais desconfortáveis e causar dor. Esse é o caso, por exemplo, da posição "de quatro" (também conhecida como "cachorrinho"), que, mesmo sendo uma das preferidas dos homens, é alvo de reclamações delas. 

Leia também: Sinto dor na penetração, por que isso acontece? Delas responde

casal fazendo sexo arrow-options
shutterstock
Muitas mulheres reclamam de dor na hora de testar a posição 'de quatro', mas há formas de evitar esse desconforto

Mas, afinal, por que fazer sexo " de quatro " pode machucar? A fisioterapeuta uroginecológica e sexóloga  Débora Pádua explica ao Delas que, na maioria das vezes, o desconforto se dá pelo ângulo da posição, já que quando a mulher fica com o quadril levantado, a penetração é mais profunda. "O pênis pode acabar encostando no colo do útero se a mulher não estiver muito excitada, o que causa desconforto", diz.

A anatomia realmente é uma questão para testar essa posição, já que muitas mulheres podem sentir dor se o parceiro tiver um pênis grande ou se o colo do útero é curto. Porém, a sexóloga reforça que há uma solução independente disso: deixar a mulher excitada. 

Segundo ela, a excitação é essencial para que a mulher não sinta dor, já que quando o canal fica lubrificado, o colo do útero é empurrado para cima, criando mais espaço para o pênis. "Por isso, o ideal é não começar 'de quatro' ou, se começar, não realizar uma penetração tão profunda."

A  ginecologista e obstetra Patrícia Varella completa que variar na inclinação do quadril ou dos braços, assim como introduzir o pênis lentamente ou parcialmente são dicas que podem fazer diferença para evitar qualquer desconforto; veja como:

1. Mais lubrificação

A sugestão de Débora é dar estímulo clitoriano. "Isso vai manter a excitação em alta", afirma. "O canal vaginal não é tão sensível quanto o clitóris e, por isso, ele pode ajudar na lubrificação. Se a mulher consegue ter uma estimuação clitoriana durante a penetração, isso pode ser muito mais agradável na hora da relação sexual." 

A dica é usar o próprio dedo para fazer movimentos circulares ou de um lado para o outro, mais rápidos e depois mais lentos, ou guiar o parceiro para fazer os movimentos do jeito que você gosta. Outra opção é usar um lubrificante, o que, segundo ela, torna toda a sensação — tanto na posição, quanto na estimuação — ainda mais agradável.

Leia também: Onde fica o clitóris? Descubra o "mapa" para o ponto do prazer feminino

2. Variações da posição "de quatro"

Encontrar a forma mais confortável de experimentar "de quatro" pode ajudar, tanto para ele, quanto para ela. No caso da mulher, Patrícia indica variar a inclinação do quadril e nádegas, enquanto Débora recomenda ir mudando a posição dos braços, deixando-os estendidos, com os cotovelos apoiados no colchão ou segurando a cabeceira da cama. 

"Deixar as pernas mais fechadas faz com que a penetração seja tão profunda como quando as pernas estão mais abertas, o que também pode ajudar", completa. Já o homem pode ficar de joelhos em cima da cama ou de pé fora da cama, sempre prestando atenção na velocidade e força do "vai e vem" para não machucar a parceira. 

Leia também: 8 ideias para variar e melhorar a clássica posição sexual "de quatro"

E quando a posição "de quatro" é no sexo anal?

casal fazendo sexo anal arrow-options
shutterstock
As dicas para aproveitar a posição 'de quatro' no sexo anal ainda giram em torno da excitação da mulher e variações

"Para o sexo anal ser prazeroso para o casal, importante o parceiro ter calma e agir com calma, permitindo-a ficar bem relaxada, para que a parceira possa confiar e curtir", diz a ginecologista. Nesse caso, as dicas de manter a excitação e varias as posições são as mesmas.

"Uma relação não é igual a outra, porque depende da excitação daquele dia, então é preciso ir experimentando a posição, inclinação e, no caso do anal, o que pode não dar tão certo é por causa da falta de lubrificação, então é importante a mulher estar excitada", completa Débora. 

Patrícia também destaca a importância do diálogo para ir testando a posição " de quatro " ou qualquer outra que o casal queira: "Quando há uma conversa entre o parceiro e a parceira é mais fácil perceber a posição que eles mais gostam."

Leia também: Como não sentir dor no sexo anal? Delas dá dicas e sugere posições

"Dor é sempre para mostrar que algo está errado e precisa ser modificado. Se é uma dor momentânia pode ser pela posição, falta de lubrificação. É preciso pensar o que está errado naquela relação, tenta mudar de posição, usar um lubrificante", finaliza a sexóloga.