Tamanho do texto

Ely Fisher nunca teve o perfil fitness, mas, preocupada com o peso que ganhou na gestação, acabou embarcando numa jornada de dieta e exercícios

Uma gestação muda muito o corpo de uma mulher, que tende a ganhar bastante peso ao longo do processo. Para quem vê celebridades super magras apenas alguns meses depois de dar à luz, o processo de emagrecimento pode parecer fácil, mas não é bem assim, conforme mostra a mãe australiana Ely Fisher, que, após ganhar 32 kg na gravidez, embarcou em uma jornada transformadora.

Leia também: Mãe publica foto de corpo pós-parto e inspira mulheres nas redes sociais

Ely Fisher revela dieta e exercícios que fez para recuperar (pelo menos um pouco) o corpo que tinha antes de dar à luz
Instagram
Ely Fisher revela dieta e exercícios que fez para recuperar (pelo menos um pouco) o corpo que tinha antes de dar à luz


Ely nunca teve o perfil fitness, mas, após ir dos 55 kg para os 87 kg ao longo de nove meses, sentiu a necessidade de mudar seus hábitos na tentativa de reconquistar, pelo menos um pouco, seu corpo antigo. O resultado é surpreendente e agora Ely busca desmistificar o processo de perda de peso pós-parto, ao mesmo tempo em que encoraja outras mulheres a amar o próprio corpo.

Faça o que funciona para você

Uma dos principais aprendizados de Ely foi adequar sua dieta e rotina de exercícios ao que funcionava para ela em vez de tentar se adequar a uma rotina e dieta e específica. O médico recomendou que ela contasse as calorias para limitar sua ingestão, mas ela não estava disposta a abrir mão das comidas de que gostava.

“Eu achei que não conseguiria, até por nunca ter contado quantas calorias eu como. Rapidamente percebi que precisava continuar podendo comer um doce ou algo assim no fim do dia para manter a dieta. Achava que tinha de ser recompensada por todo o meu esforço. Então eu calculava e ajustava a minha ingestão de calorias já pensando naquilo que eu queria comer no jantar, por exemplo”, conta.

Leia também: Barriga no pós-parto: mãe com flacidez defende o que é beleza de verdade

Então no café da manhã, no almoço e nos lanches, Ely se segurava nas calorias para, no jantar, aproveitar o que quisesse comer. “Eu estava ingerindo uma quantidade saudável de calorias sem abrir mão do que eu gosto e ainda estimulada para chegar até o fim do dia, por saber o que me esperava”, explica.

A post shared by ELY FISHER (@elyfisher) on


“Aprender também foi importante. Percebi que mesmo antes da gravidez estava ingerindo cerca de três mil calorias por dia, o que é o dobro do que alguém com o meu biotipo físico deve ingerir, principalmente considerando o quanto eu era sedentária”, ressalta.

Não exagere

Por mais que seja tentador fazer alguma dieta drástica para perder peso rápido, Ely afirma que essa não é a melhor estratégia. Ela argumenta não ser necessário se exercitar absolutamente todos os dias para perder peso.

“Na verdade, é sobre o quanto você se dedica ao exercício nos dias que está treinando”, diz ela. Nos primeiros seis meses de sua jornada, Ely disse que não fazer mais do que trinta minutos de exercícios simples em casa, três vezes por semana. “No começo eu mal saía para caminhar. Só fazia flexões, abdominais, agachamentos e polichinelos”, revela.

A post shared by ELY FISHER (@elyfisher) on


“Que você faça quatro sessões de 15 minutos por semana. Se você puder fazê-las com o máximo de vontade e intensidade possível, verá resultados rapidamente.”

Ely conta que, fazendo isso, aos poucos o peso dela foi baixando e ela foi ganhando condicionamento para começar a fazer caminhadas - que eventualmente levaram a corridas.

Não deixe a culpa te consumir

Um dos pontos mais importantes para Ely é se concentrar para não deixar a culpa destruir todo o seu trabalho caso você tenha uma recaída da dieta ou da rotina de exercícios em algum momento. Se exigir demais também não é uma boa ideia.

“Eu descobri que quando estava mais relaxada com relação à minha jornada de perda de peso, aceitando que talvez eu não chegaria onde queria na velocidade que gostaria, tinha mais disposição para continuar, porque não tinha mais pressão. Pensava que eu poderia demorar dois anos que fosse para perder peso, mas um dia eu chegaria lá. Percebi que quanto menos estressada com o meu peso eu estava, mais rápido eu obtia resultados”, conta.

A post shared by ELY FISHER (@elyfisher) on


Um ano depois de começar sua jornada para se livrar dos 32kg, Ely atingiu 57kg e está mais feliz do que nunca.

Leia também: "Estrias ainda serão sexy", afirma mãe com marcas do pós-parto

“Se você está com dificuldades emocionais para perder peso, pense se a dor de olhar todos os dias no espelho e ver algo de que não gosta compensa trinta minutos de esforço. Quando eu comecei a pensar assim, mudando meu objetivo de ter um corpo de celebridade para apenas passar a me amar mais, nada conseguiu me impedir.”

    Leia tudo sobre: dieta
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.