Tamanho do texto

Coco e atemoia s estão na lista; algumas frutas do outono podem ajudar na pele, nos cabelos e nas unhas

Não importa a época do ano em que estamos, as frutas sempre são uma ótima pedida e podem ser incluídas em diversos lanches durante o dia: café da manhã, lanche da tarde e até como sobremesa depois do almoço e jantar.

Frutas
LINCON ZARBIETTI
Frutas



Mas cada fruta tem a sua época e agora é hora de apostar no caqui, na atemoia, no coco, na goiaba e no abacate.

Caqui

Caqui
Thinkstock Photos
Caqui


Segundo a nutricionista Letícia Amaral, a fruta é rica em cálcio, fósforo e sódio. Além disso, é uma ótima fonte de vitaminas C e E. "Ela contribui para a manutenção da saúde da pele, das unhas e dos cabelos, promovendo o crescimento, a cicatrização e aumentando a resistência às infecções devido à presença do antioxidante betacaroteno", explica.

Outro nutriente importante no caqui é o licopeno, que ajuda no sistema imune e no combate a doenças, reduzindo as chances de câncer, doenças cardiovasculares e crônicas. "A fruta possui grande quantidade de fibras, que, além de promoverem a sensação de saciedade por mais tempo, regulam o trânsito intestinal", completa. 

Atemoia

Atemoia
Divulgação/Oba Hortifruti


Fruta rica em potássio e, por isso, pode auxiliar na redução da pressão arterial. O potássio equilibra a água corporal e a contração muscular, por isso, o consumo da fruta é indicado para praticantes de atividades físicas", comenta a nutricionista. A atemoia também é rica em carboidrato, o que a torna uma ótima fonte de energia.

Para quem tem problemas de intestino, a atemoia pode ajudar muito por reduzir a absorção do organismo de gordura e açúcar devido ao alto teor de fibras em sua composição. Para melhorar, a fruta é bem saborosa e possui vitaminas C e do complexo B, cálcio, zinco e cobre.

Coco

Coco
Getty Images


No coco, podemos encontrar os carboidratos, proteínas e sais minerais de toda fruta, mas o magnésio, cálcio e fósforo se destacam. "O teor de magnésio do coco supera o de todos os alimentos de origem animal, inclusive a carne, o peixe, o leite e os ovos", explica Letícia. 

Ela ainda explica: "O magnésio no nosso organismo se encontra nos ossos e nos músculos, por isso, esse alimento é superimportante para o sistema locomotor". 

Goiaba

Goiaba
Thinkstock/Getty Images


A goiaba é uma fruta rica em vitamina C, que facilita na absorção de ferro, ajudando a tratar a anemia. "Ela também é fonte de licopeno, um potente antioxidante responsável por manter a saúde da pele e prevenir o envelhecimento das células", explica a especialista.

Abacate

Abacate
Reprodução
Abacate


"Seu acentuado valor energético é relacionado às gorduras, responsáveis pelo aumento do colesterol HDL (considerado o bom colesterol, pois protege as artérias ao invés de destruí-las)", conta Letícia. Ela ainda explica que o abacate é fonte de vitamina, gorduras monoinsaturadas, vitaminas, sais minerais e glutationa, um poderoso antioxidante.

"Possui os seguintes minerais: magnésio, que é essencial à vida, ajuda no metabolismo da glicose e a nutrir os nervos e o cérebro; cálcio, que combate a osteoporose; ferro, que combate a anemia tanto em gestantes como em lactantes e ajuda a formar as hemácias; e fósforo, que junto ao cálcio ajuda na mineralização dos ossos e nos neurônios, melhorando o raciocínio", pontua.



    Leia tudo sobre: Dieta