Alergias e infecções são alguns dos problemas que produtos vencidos podem causar

Risco é ainda maior quando o produto é destinado à região dos olhos
Getty Images
Risco é ainda maior quando o produto é destinado à região dos olhos
Que atire o primeiro batom quem nunca ignorou o prazo de validade estampado na embalagem e usou algum produto de beleza por um tempão sem dar a menor bola para os perigos dessa prática.

Pois é, por mais que dê um aperto no coração descartar aquele rímel lindíssimo que custou os olhos da cara, utilizar maquiagem vencida é um verdadeiro atentado à saúde.

“Quando o prazo de validade expira, significa que, além do produto perder sua eficácia, há grandes chances de seu sistema conservante não estar mais ativo. Sendo assim, qualquer microorganismo que se depositar ali encontrará uma condição riquíssima de crescimento”, alerta Emiro Khury, farmacêutico e diretor técnico da Associação Brasileira de Cosmetologia (ABC).

Fique esperta

Ao crescerem, muitas bactérias produzem um cheiro ruim ou formam colônias. Nesses casos, é fácil perceber que o produto passou do ponto (mesmo que ainda esteja dentro do prazo de validade). “Nota-se mudança na cor, na consistência ou no cheiro”, alerta Denise Steiner, dermatologista de São Paulo (SP). Por outro lado, há microorganismos que não dão nenhum sinal de sua presença. “Esses são os piores”, comenta o diretor técnico da ABC.

Prolongar o uso de itens vencidos por causa de sua aparência “normal” é, portanto, uma verdadeira cilada. Uma vez contaminados, podem causar danos como irritação, vermelhidão, coceira e até infecções. O perigo é ainda maior quando o produto é destinado à região dos olhos, como rímel, lápis ou delineador. “Se uma bactéria presente na mucosa ocular resistir aos mecanismos de defesa do organismo, corre-se o risco de gerar uma inflamação na córnea, um quadro muito difícil de ser tratado”, avisa Khury.

Na própria pele

Marilene Sales, 36 anos, autora do blog Like a Make, do Rio de Janeiro (RJ), sabe bem o que é confiar no aspecto da maquiagem e não em seu rótulo. Mesmo ciente de que sua sombra estava vencida há cerca de dois meses, resolveu arriscar e pincelou o produto nas pálpebras antes de sair para jantar. “Chegando em casa, passei o algodão para tirar a maquiagem e senti uma dor intensa no olho direito. No dia seguinte, não conseguia nem abri-lo”, lembra.

Depois de se consultar com dois médicos, veio o diagnóstico: conjuntivite alérgica. “No final das contas, desembolsei 97 reais com medicamentos. Muito mais do que gastaria com uma sombra nova!”, calcula. Para provar que aprendeu a lição, Marilene afirma que hoje vive de olho na data-limite impressa nos rótulos. “Quando faltam cinco meses para vencer, já fico esperta”.

Compartilhar não é legal

Quem nunca experimentou a maquiagem maravilhosa da cunhada ou ofereceu o próprio arsenal para as amigas a caminho da balada? Pois saiba que esse hábito é tão terrível quanto usar produtos vencidos, já que facilita o trânsito de bactérias, fungos e vírus entre as pessoas. “Ao dividir o gloss ou batom, por exemplo, pode ocorrer a transmissão de herpes labial”, conta a dermatologista.

De acordo com Khury, isso acontece porque alguns microorganismos são residentes, ou seja, vivem em nosso corpo sem causar estragos. Mas, ao emprestar a maquiagem à amiga, eles podem ser transmitidos e finalmente encontrar um ambiente perfeito para crescer e prejudicar a saúde.

Dicas de conservação

Ainda que esteja dentro do prazo de validade, a maquiagem deve ser bem conservada para não se tornar um prato cheio para bactérias, fungos e vírus. Confira algumas recomendações importantes.

• Não jogue fora a caixinha do produto: ela geralmente estampa a data de validade e funciona como uma segunda proteção ao produto
• A maquiagem levada dentro da bolsa deve estar sempre muito bem fechada. Quente, escuro e com vários compartimentos, trata-se do ambiente perfeito para a proliferação de microorganismos
• Nas lojas de cosméticos, nunca experimente os batons do provador! Para ter ideia da cor, aplique um pouquinho no braço, pois a pele desta área muito mais resistente
• Por ser úmido e rico em microorganismos, o banheiro não é um local adequado para guardar a maquiagem. Procure deixá-la no quarto, sempre longe de luz direta e calor
• Sabe a espátula que vem no creme? É para ser usada! Quando manipulamos o produto com os dedos, crescem as chances de contaminá-lo com microorganismos

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.