Efeito dos cigarros fumados na progressão do dano foi cinco vezes maior em mulheres do que em homens

Fumo: dano é maior nas artérias femininas
Getty Images
Fumo: dano é maior nas artérias femininas
Fumar causa mais dano arterial em mulheres do que em homens, mostram resultados preliminares de um recente estudo europeu que examinou com aparelhos de ultrassonografia as artérias carótidas – vasos sanguíneos de grosso calibre que levam o sangue ao cérebro – de 1.893 mulheres e 1.694 homens em cinco países: Finlândia, Suécia, Holanda. França e Itália.

Leia: 10 razões para você largar o cigarro agora

O novo estudo concluiu que fumar durante a vida está associado ao espessamento das paredes das artérias (processo conhecido como aterosclerose ) nos dois gêneros, mas o impacto negativo na população feminina é mais que o dobro do visto nos homens. Os resultados foram apresentados esta semana no congresso da Sociedade Europeia de Cardiologia, em Paris.

Os pesquisadores também descobriram que o efeito do número de cigarros fumados por dia na progressão da aterosclerose era cinco vezes maior em mulheres do que em homens.

Essa associação entre fumo e aterosclerose apareceu independente de fatores de risco como colesterol alto , obesidade, idade, pressão sanguínea e classe social, afirmaram os pesquisadores.

“O motivo desse forte efeito do fumo sobre as artérias femininas ainda é desconhecido, mas algumas pistas talvez possam vir da complexa interação entre fumo, inflamação e aterosclerose” disse a autora da pesquisa, Elena Tremoli, professora de farmacologia da Universidade de Milão (Itália).

Como o estudo foi apresentado em um congresso médico, os dados e conclusões devem ser encarados como preliminares até serem publicados por um periódico científico revisado por especialistas.

Siga lendo sobre Saúde da Mulher

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.