Criador do vestido de noiva favorito das leitoras do Delas fala sobre o início da carreira e a inspiração para o modelo de Alinne Moraes em “O Astro”

Samuel Cirnansck vestia camisa preta, calça jeans e sapatos pretos. Discreto e moderado, desculpou-se pelo atraso e comentou sobre alguns problemas que atrasaram sua volta da chácara que mantém no interior de São Paulo. Após alguns minutos, ele já estava pronto para falar sobre sua carreira na moda brasileira e de seu trabalho com noivas. É dele o vestido eleito como o melhor das novelas pelas leitoras do Delas , um modelo envergado por Alinne Moraes em "O Astro".

Samuel e suas criações, feitas a partir da personalidade de cada noiva
Bruno Zanardo/Fotoarena
Samuel e suas criações, feitas a partir da personalidade de cada noiva


Leia também
Os vestidos de noiva favoritos das novelas
O melhor vestido de noiva para seu tipo de corpo

Começo perguntando sobre a sua carreira de estilista. Sutil, Samuel afirma não se ver como um. “Estilista é uma palavra vazia, e atualmente muito generalizada”, diz. "Hoje os estudantes de moda acreditam que essa profissão é vestir um cachecol e sair por aí dizendo que é estilista, que é puro glamour”. Samuel, portanto, identifica-se mais com o rótulo de diretor-criativo da marca. Ou simplesmente o costureiro Samuel.

Trabalhar com moda é uma profissão como outra qualquer e requer um comprometimento diário. “O que não estão ensinando para os jovens é que todo dia você precisa vir e trabalhar, além de estar preocupado com a satisfação do cliente e com a qualidade do produto que você oferece”, completa.

Ainda como estudante de moda da Universidade Anhembi Morumbi, curso que frequentou durante seis meses, Samuel vendia peças de roupas do lado de fora das feiras de moda, como a Mundo Mix. Neste período, década de 1990, o então estudante de moda foi convidado para trabalhar como assistente de Carlos Pazzeto, diretor e produtor de moda e eventos.

Samuel em seu ateliê:
Bruno Zanardo/Fotoarena
Samuel em seu ateliê: "vestido só faz sentido se funciona"
Do palco ao altar

A fase seguinte consolidou uma das características mais marcantes do trabalho de Samuel como costureiro e criador. Ele tornou-se assistente de figurino para produções teatrais e óperas. Era preciso compreender a personalidade dos personagens para produzir figurinos adequados ao papel. “As pessoas sabiam que eu tinha uma boa percepção para personagens e características”, acredita.

Esta visão ao compor um modelo é sua marca registrada. Para criar vestidos de noivas, Samuel considera necessário compreender primeiramente quem é aquela mulher que optou por um vestido seu, quais são os desejos dela e como a roupa pode refletir esses sentimentos.

Além de dar forma à ideia principal do modelo, ele afirma que seu papel é justamente não deixar que estas mulheres se transformem em outras no dia do casamento. “Converso pelo menos uma hora com a cliente, para saber se ela tem a mesma pegada do vestido”, diz.

Embora conte com uma equipe de 40 funcionários, Cirnansck cria e costura os modelos à mão. “Sempre tem uma história por trás daquele vestido, e eu viajo nela para poder criar o modelo certo”, completa. “Me inspiro em coisas antigas, românticas, mas acrescento detalhes modernos à peça”, diz, sobre a inspiração para as suas coleções.

Mas beleza não é nada sem funcionalidade. Segundo o costureiro, o vestido também precisa ser confortável e dar liberdade à mulher, para que ela possa aproveitar a festa após a cerimônia sem preocupação alguma. Para ele, não faz sentido se é apenas um vestido bonito, “faz sentido se a coisa funciona ou não”.

Noivas amarradas na passarela de Cirnansck: discussão
Divulgação
Noivas amarradas na passarela de Cirnansck: discussão
Na passarela

A última coleção lançada por Samuel Cirnansck (verão 2011/2012) causou muita polêmica e pouco debate, exatamente o contrário do que esperava o criador. “Não coloquei minhas noivas amarradas e amordaçadas na passarela só porque é algo provocante. Queria levantar uma discussão sobre a submissão”, afirma.

É desta mesma última coleção o vestido eleito como o melhor das novelas pelas leitoras do Delas . E a peça não é só a favorita das leitoras. Samuel revela que este é o seu modelo preferido dentre tantos outros da coleção, porque é o único vestido de noiva estampado criado por ele. Solicitado para a criação de um figurino para a personagem Lili, da novela “O Astro”, Cirnansck estudou a personagem e indicou o vestido.

“É um vestido moderno, feito com corte a laser”, diz, ao explicar o motivo da escolha para a personagem de Alinne Moraes. “Eu queria um vestido que não tivesse nada a ver com o universo das noivas, por isso as estampas geométricas, os quadrados”, completa. Curiosamente, ao tentar fazer um “não-vestido de noiva”, Samuel acertou em cheio e criou, na opinião das leitoras do Delas , o vestido de noiva mais bonito das novelas.

O vestido desenhado por Cirnansck usado por Lili, em
Divulgação/TV Globo
O vestido desenhado por Cirnansck usado por Lili, em "O Astro": geometria

Leia mais
Lethicia Bronstein, a estilista das noivas de novela
Conheça vestidos de noiva que fizeram história

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.