Balada temática leva a animação das festas de casamento para as pistas, com direito a distribuição de bem-casados no final

A seleção das músicas, o bem-casado, os adereços de pista. As festas de casamento têm alguns elementos típicos que não são encontrados em outras ocasiões e tornam o evento especial. E se você pudesse ir a uma festa de casamento sem a exigência de comprar um presente? Ou de usar uma roupa mais elegante? Ou até mesmo sem a obrigação de conhecer os noivos? Essa foi a ideia do produtor e DJ Cláudio Macedo e seus amigos: fazer das tradicionais festas de casamento uma balada (veja mais fotos na galeria ao final da página) .

Balada de casamento: para quem quer uma comemoração típica, mas sem cerimônia
Gabriel Bittencourt/ Lucas Castello - Partybusters
Balada de casamento: para quem quer uma comemoração típica, mas sem cerimônia



O evento acontece cerca de uma vez por semestre, na Casa de Espanha, no Rio de Janeiro, e reúne desde fanáticos por casamento até gente que gosta de estilos de música variados para dançar. “A ideia era ter uma festa divertida, sem se prender em modismos ou gêneros musicais, e que pudesse agregar pessoas. Festas de casamento reúnem pessoas de diferentes idades, têm sempre um clima de muita confraternização e fazem uma verdadeira viagem musical através das décadas”, diz Cláudio.

Rafael Vaz é um dos DJs da festa e confirma a pluralidade das músicas, que vão do hip hop ao sertanejo. Alguns clássicos nunca faltam: “Especialmente nessa festa, existem alguns clássicos que não podem ficar de fora, como ‘Girls Just Wanna Have Fun’, da Cindy Lauper, ‘Dancing Queen’, do Abba e ‘I Got a Feeling’ do Black Eyed Peas”, fala Rafael.

Decoração e bem-casados

Para não sair do clima de casamento, toda a ambientação da festa é ligada ao mundo dos noivos. “Na festa temos bolo de noiva , um casal vestido de noivo recepcionando os convidados e participando da festa, distribuição de bem-casados no final e até um Santo Antônio pra quem quer pedir uma forcinha pra desencalhar”, diverte-se Cláudio. “Só não tem a cerimônia. Pulamos direto pra melhor parte: a festa”, completa Rafael.

Os “convidados” parecem entrar bastante no clima. Na última edição, uma mulher apareceu vestida de noiva . Muitos baladeiros vão de traje social.

Mesmo com toda esta atmosfera, a festa ainda atrai pessoas que não gostam, de fato, de casamentos, como a publicitária Eduarda Cantaluppi. “Não gosto de ir a casamentos em si, acho chato. Mas a festa é ótima! O clima é divertido e a temática é interessante. É como se fosse uma festa de casamento apenas com os amigos”, conclui.



Serviço
Festa de Casamento

Leia também
Guia do casamento: ideias, dicas e soluções para planejar o grande dia
Agenda da Noiva: o que fazer mês a mês para organizar o casamento

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.