É possível escolher um cardápio elegante e descolado sem deixar de atender os convidados

Se, como você, seu casamento não segue convenções, por que não servir comidinhas deliciosas que também fogem do convencional? O buffet Zest Cozinha Criativa é expert no assunto e indica três sugestões de cardápios para quem quer inovar.

1. Orçamento econômico: brunch com massa e carne

Segundo a chef Daniela Kishimoto, para quem busca um casamento descolado sem gastos elevados, o brunch ou chá da tarde é o formato ideal. “Gasta-se menos com iluminação e bebidas alcoólicas”, diz. Bares com sucos coloridos e águas frescas em jarras de vidro auxiliam na decoração e deixam os convidados à vontade.

Coquetel
Mini cuscuz; sanduichinho de legumes; salmão com acompanhamentos; brie com geleia de pimenta; quiches variados; mix de folhas; saladinha de grãos integrais; rosbife ao creme de mostarda e terrine tricolore.

Dani Kishimoto, do Zest Cozinha Criativa
Divulgação
Dani Kishimoto, do Zest Cozinha Criativa
Quentinhos
Variedades de canapés, entre eles: batatinhas soufflé com catupiry; puff de parmesão e polentinha de coração.

Pratos quentes
Raviolini de búfala ao pesto cremoso com tomatinho cereja e picadinho ponta de faca ao porto com arroz biro-biro e crisps de couve.

Sobremesas
Diversos bolos; tortas frescas e salada de frutas colorida.

2. Orçamento médio: menu degustação finger food

“Opções exóticas são muito bacanas, mas não devem ser maioria. Os convidados precisam se sentir acolhidos, por isso, aposte em pratos coringas”, diz Daniela. Vale observar em todos os cardápios os ingredientes que podem ser rejeitados e conversar com o chef sobre possíveis substituições. Finger food continua como tendência forte em menus de casamentos.

Polentinha de coração
Divulgação
Polentinha de coração

Canapés frios e mini porções
Bolinho de milho com salmão; rosbife ao creme de mostarda e saladinha de grãos integrais.

Ilha de aperitivos
Brie com geleia de pimenta; curry de frango; bobó de lombo com uvas passas; caçarola de siri catado e brandade de bacalhau.

Canapés quentes
Batatinhas soufflé com catupiry e chips de bacon; vasinhos de cogumelos do chef; puff de parmesão e polentinha de coração.

Pratos quentes (em cumbuquinhas)
Raviolini de zuchini; risoto de limão siciliano e picanha confitada com purê de mandioquinha.

Sobremesa
Mousse de chocolate belga.

Jantar franco-americano: serviço tradicional para os pais, ilhas de degustação para os amigos
Divulgação
Jantar franco-americano: serviço tradicional para os pais, ilhas de degustação para os amigos
3. Orçamento alto: jantar franco-americano com ilhas de degustação

“Montamos esse menu quando nos deparávamos com um conflito entre os noivos que queriam uma festa mais cool, com ilhas de finger food à disposição a noite toda, sem imposição de regras e horários. Mas os pais deles sentiam falta de sentar à mesa”, conta Daniela. Assim, o formato é capaz de agradar diversos públicos.

Canapés frios e miniporções
Mini taco de pato; bolinho de milho com salmão; chèvre & grape lollipops; rosbife ao creme de mostarda e terrine tricolore.

Quentes na ilha
Brie com geleia de pimenta.

Canapés quentes e mini porções
Polentinha de coração, entre outras opções, como a broinha de haddock e o puff de parmesão.

Banquete: entrada
Seleção de verdes nobres e salada mediterrânea de legumes grelhados.

Pratos quentes
Risoto de cogumelos selvagens; robalo ao molho de açafrão; ravióli de búfala com tomates frescos e filé em crosta de ervas.

Sobremesas
Torta de bananas frescas; mousse de chocolate belga; crumble de frutas marinadas e sorvete artesanal.

Na madrugada
Quitutes customizados, como tostex crocante servido com mini milk shake.


Leia também
Guia do Casamento: ideias, dicas e soluções para a noiva planejar o grande dia

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.