Em visita a Africa, Bento XVI critica a distribuic?o gratuita de preservativos como forma de controlar a aids

_CSEMBEDTYPE_=inclusion&_PAGENAME_=ModeloiG%2FMiGComponente_C%2FConteudoRelacionadoFoto&_cid_=1237492852654&_c_=MiGComponente_C

Nesses poucos meses do ano, a Igreja Catolica criou polemicas. Nesta terca-feira, 17 de marco, o papa Bento XVI colocou ainda mais lenha na fogueira ao afirmar que a distribuic?o de camisinhas piora o problema da aids .

Em visita a Africa, regi?o que tem as maiores taxas de pessoas com a doenca, o religioso ainda afirmou que as propostas da sociedade para o controle da aids n?o s?o "nem realistas, nem eficazes" e que a Igreja esta na vanguarda da luta contra a epidemia da doenca no continente.

Esta n?o e a primeira vez no ano que o Vaticano critica os metodos contraceptivos. No Dia Internacional da Mulher , o jornal do pais publicou um artigo em que diminui importancia da pilula anticoncepcional ao dizer que a maquina de lavar roupas fez mais pela liberac?o feminina do que ela.

Aborto

O aborto e uma das quest?es que a Igreja se op?e sempre que tem oportunidade. Ha um mes, o papa Bento VXI reforcou sua posic?o ao afirmar que os politicos norte-americanos catolicos n?o poderiam apoiar o aborto.

A declarac?o ocorreu apos a presidente da Camara dos Deputados dos EUA, Nancy Pelosi , ter sido acusada por bispos de distorcer os ensinamentos da Igreja sobre o aborto. Nancy, que e catolica, e a favor de que a mulher tenha o direito a escolha .

O assunto voltou a tona as vesperas do Dia Internacional da Mulher , quando o Vaticano apoiou a decis?o do arcebispo de Recife e Olinda em excomungar os medicos e a m?e da menina pernambucana de 9 anos, gravida de gemeos apos ter sido abusada sexualmente por seu padrastro.

A m?e e os medicos foram criticados pela Igreja por permitirem que fosse realizado o aborto. O caso gerou polemica em todo o pais n?o so pela idade da menina, mas tambem porque a sua gravidez era de alto risco. Algum tempo depois, o Vaticano voltou atras e declarou que a decis?o do arcebispo era um equivoco.

Divorcio e casamento gay

Logo no comeco do ano, o secretario de Estado do Vaticano, Tarcisio Bertone, n?o perdeu tempo e condenou diversos temas de uma so vez: o aborto, o divorcio e o casamento gay foram os principais alvos de suas criticas.

Bertone afirmou que "a vida familiar esta fundada sobre o casamento de um homem e uma mulher , unidos por um vinculo indissoluvel, livremente contraido".

A declarac?o foi realizada em 5 de fevereiro, durante a conferencia "Os Direitos Humanos no Magisterio de Bento XVI", realizada na Espanha . Na ocasi?o, o sacerdote aproveitou para criticar o projeto de lei espanhol que preve ampliac?o da lei do aborto.

Relembre as polemicas:

Bento XVI recebe Nancy Pelosi e reitera "n?o" ao aborto
Secretario do Vaticano ataca aborto e eutanasia
Vaticano critica excumunh?o da m?e de menina violentada
Para o Vaticano, lava-roupas e simbolo da emancipac?o feminina
Papa diz que distribuic?o de preservativos n?o controla a aids

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.