Ao contrário de muitas famosas, a atriz de "Império" não tem a ajuda de personal stylist para se vestir. Quem a auxilia na missão é o espelho: "Escolho meus looks sem pedir opiniões"

Marina Ruy Barbosa gosta de moda desde criança e acredita que o trabalho como atriz ajudou a construir seu estilo. “Minha profissão me guiou inconscientemente para que eu me sentisse bem e bonita. Compor um look ficou muito natural para mim”, conta a intérprete de Maria Isis da novela “Império”, da Globo.

LEIA AQUI TODAS AS NOTÍCIAS DE MODA

Ao contrário de muitas famosas, a atriz não tem a ajuda de personal stylist para se vestir. Quem a auxilia na missão é o espelho. “A coisa comigo funciona da seguinte forma: Me visto e fico me olhando em frente ao espelho. Se o espelho diz que não está bom, mudo toda a produção até chegar no meu desejo”, diz. Ela também conta com troca-troca de peças com a mãe, Gioconda, para compor seu visual. No dia da entrevista, Marina revelou que já havia usado várias vezes a camisa preta que sua mãe vestia na ocasião. Confira o bate-papo: 

iG: Inspira-se em alguém na hora de escolher suas roupas?
Marina Ruy Barbosa:
Me identifico muito com o estilo da (it-girl americana) Olivia Palermo.

iG: Que acessório que mais usa?
Marina Ruy Barbosa: Sou apaixonada por sapatos. Não sei te dizer quantos tenho porque eu e minha mãe calçamos o mesmo número e sempre tem aquela troca básica.

iG: Rola troca também com roupas?
Marina Ruy Barbosa: Rola muito porque temos praticamente o mesmo corpo, ela é magrinha. Por sinal, já usei várias vezes a blusa que ela está vestindo hoje (risos).

iG: Quem te veste no dia a dia? Pede opinião profissional?
Marina Ruy Barbosa: Não conto com ajuda de profissionais. Escolho todos os meus looks sem pedir opiniões. A coisa comigo funciona da seguinte forma: Me visto e fico me olhando em frente ao espelho. Se o espelho diz que não está bom, mudo toda a produção até chegar no meu desejo.

iG: Como você definiria seu estilo?
Marina Ruy Barbosa: Acredita que não consigo definir meu estilo? Na verdade, não gosto muito da rotulação. Então, tem dia que estou clássica, outro dia chique, casual, às vezes gosto de um visual mais despojado. Tenho vários estilos dentro de mim, o que vejo como algo muito positivo porque acabo passando por todas as tribos.

iG: Qual é a peça mais usada de seu closet?
Marina Ruy Barbosa: Vestido, tenho loucura por peças para festas e também por salto alto.

iG: Qual foi o maior arrependimento? O que comprou, pagou caro e nunca usou?
Marina Ruy Barbosa:
Não sou consumista, não tenho o costume de sair comprando sem necessidade. Só compro o que realmente ficou bom e o que vou usar.

iG: O que disse que nunca usaria e acabou se rendendo?
Marina Ruy Barbosa: Nunca gostei de usar decote. Mas hoje em dia acho que aprendi a usar e estou me permitindo e gostando cada vez mais.

iG: Já cometeu algum deslize fashion que gostaria de esquecer?
Marina Ruy Barbosa: Não fico bem de calça saruel, não me sinto à vontade. Então, posso pontuar que esse foi o maior deslize que já cometi na moda.

>>> Curta a página do Delas no Facebook e siga o @iGModa noTwitter <<<


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.