Guia do Bebê

Ao nascer, o bebê ouve bem e enxerga mal. Brinquedos e frases estimulam os sentidos dele

Compartilhar:
Recém nascido
Mamar, dormir, chorar
Nesse comecinho de vida a visão é o menos desenvolvido dos cinco sentidos do bebê, afinal, ela não foi exigida durante o período da gestação. Ele enxerga tudo embaçado e não distingue o contorno do rosto da mãe ou de objetos distantes, pois é míope. Seu olhar é atraído apenas por cores e movimentos. Já a audição é bem definida, uma vez que o feto ouve a voz da mãe desde o quinto mês de gestação – consequentemente, logo nos três primeiros dias após o nascimento, o recém-nascido já pode reconhecê-la.

Soluços são comuns: sinal de frio ou de que o bebê está engolindo ar enquanto mama. É importante colocá-lo para arrotar. A musculatura é pouco desenvolvida e os reflexos, involuntários.
Neste primeiro mês, ao tomar um susto, muitas vezes o bebê abre e balança os braços, como uma borboleta que bate as asas. São 28 dias em que ele vai praticamente dormir e mamar, enquanto seu corpinho ganha força e a visão do mundo vai ficando mais nítida.
Dica do especialista

Estímulos visuais e sonoros são bem-vindos. Móbiles coloridos e sonoros e conversas ao pé do ouvido ajudam o recém-nascido a desenvolver a visão. Diga palavras positivas, como "Você é lindo, amado e forte”. Mesmo sem entender, é um recado que fica registrado no inconsciente da criança.
Ver de novo