Pode ter relações sexuais durante a gravidez?

Por iG São Paulo

Texto

Não há problemas, mas experimentar uma queda na libido também é normal

Stefan
Relações sexuais: liberadas em gestações normais
Grávidas podem ter relações sexuais normalmente. O sexo está liberado durante todo o período da gravidez para as mulheres com gestação normal. “A gestante só deve evitar relações sexuais caso tenha algum problema específico, mediante orientação médica”, explica Cláudia Garcia Magalhães, ginecologista e obstetra da Faculdade de Medicina de Botucatu (Unesp).

Leia mais: Gravidez semana a semana

Algumas das complicações que podem comprometer a vida sexual durante a gravidez são: ameaça de abortamento, trabalho de parto prematuro, placenta baixa e o período final da gravidez, quando o colo do útero começa dilatar. Se houver cólicas ou sangramento, procure o obstetra pré-natalista antes de retomar as atividades sexuais.

Mas mesmo sem passar por uma gestação de risco, não são raras as mulheres que perdem um pouco da libido durante os primeiros meses da gravidez. Segundo Denise Coimbra, do serviço de reprodução humana da Escola Paulista de Medicina, um fato interessante é que as gestantes relatam queda no interesse sexual por ‘enjoo’ do marido, o que pode envolver também questões psicológicas por proteção ao feto.

Por isso, se perceber diminuição no desejo, fique tranquila. Tudo deve voltar ao normal em breve. “O retorno da libido ocorre no segundo trimestre e se manterá até o fim da gravidez”, explica a especialista, que destaca ainda o papel do companheiro neste momento. “É fundamental que a grávida não se sinta rejeitada pelo marido”. Com o decorrer da gestação provavelmente também será necessário adaptar as posições, para que a barriga não atrapalhe durante a relação.

Saiba tudo que a grávida pode ou não pode fazer durante a gestação


Leia tudo sobre: pode ou não podesexotransargravidezalimentação
Texto

notícias relacionadas