Som emitido por crianças de 2 anos e meio a 4 anos irrita mais do que barulho de uma serra elétrica, aponta estudo americano

Criança choramingando foi som que mais levou voluntários a cometerem erros de cálculo
Getty Images
Criança choramingando foi som que mais levou voluntários a cometerem erros de cálculo
Se você achava que só você se incomodava terrivelmente com o choramingo das crianças, está enganado. Um estudo realizado por pesquisadores da Clark University e da State University of New York mostrou que o som feito pelos pequenos é pior do que barulhos emitidos por serras elétricas cortando madeira. Os sons escolhidos para teste foram: voz infantilizada que as mães usam para se comunicar com seus bebês, choramingo de crianças, choro também de crianças, discurso neutro, barulho de uma serra elétrica cortando madeira e, por fim, silêncio.

Entre os participantes, estavam homens e mulheres com e sem filhos. Foram 33 voluntários sem filhos – 20 mulheres e 13 homens – e mais 26 pessoas com filhos, sendo 15 mulheres e 11 homens. Os filhos dos pais participantes do grupo tinham idades entre quatro meses e quatro anos, portanto estavam bastante acostumados com os sons emitidos por crianças pequenas.

Leia também:
- Ser mãe não é uma maravilha o tempo todo
- Castigar os filhos é mesmo coisa do passado?

Choramingo causou mais erros
Os voluntários precisavam resolver problemas simples de matemática usando um fone de ouvido. Durante dez segundo eles apenas ouviam os sons e não respondiam as questões para se familiarizarem e não haver distrações devido à curiosidade para interpretar um novo som. Todos foram orientados a ignorar os sons, mas mesmo assim nenhum participante conseguiu responder todas as questões no tempo estipulado. O resultado final mostrou que choramingo de crianças foi o que causou mais errou nos cálculos dos voluntários.

O estudo mostra ainda que, mesmo mais acostumados, os voluntários que eram pais também se incomodaram com choros e choramingos. Outra conclusão dos pesquisadores foi que os sons emitidos por pessoas distraem mais do que os outros barulhos.

Veja mais:
- Os desafios da adolescência
- "Deixe-os comer besteira": essa e outras dicas inusitadas estão em livro

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.