Quatro amigas que sonham com viagem para os EUA chegam à 12ª edição do evento criado quando tinham seis anos: "não temos dinheiro suficiente ainda, mas não vai demorar muito"

Seis anos atrás, quatro amigas passeavam por um shopping de São Paulo em busca de presentes para o Dia das Mães quando perceberam que não tinham dinheiro suficiente para fazer uma compra sequer. Inspiradas pelo modelo de venda de garagem, onde pessoas se desfazem de coisas que não desejam mais manter por um preço bem atrativo, Estela, Giovanna, Joana e Marcela, todas com 12 anos hoje, decidiram que esse seria o caminho para conseguir resolver esse problema.

A data comemorativa passou sem que elas pudessem comprar os presentes que queriam, mas a boa ideia permaneceu. Alguns anos depois, e já com novo objetivo – custear uma viagem das quatro amigas para a Disney na companhia das mães –, o bazar saiu do papel e teve sua primeira edição em 2009.

Aos seis anos de idade, quatro amigas resolveram fazer um bazar com o objetivo de arrecadar dinheiro para ir à Disney
Arquivo pessoal
Aos seis anos de idade, quatro amigas resolveram fazer um bazar com o objetivo de arrecadar dinheiro para ir à Disney

“Eu e as meninas juntamos coisas para vender por três anos. Guardávamos tudo que não servia mais ou que não íamos mais usar. Também recebíamos doações de amigos e parentes. Até amigas distantes das nossas avós mandaram alguns produtos quando souberam que queríamos fazer o bazar”, lembra Joana Fusco, 12.

Veja também:
Teste: seu filho sabe lidar com dinheiro?
Dinheiro: cinco coisas que você e seu filho devem saber

De 1 a 50 reais

Já na primeira edição do bazar, que ganhou o nome de “Pop Camelô”, elas arrecadaram mais de dois mil reais e viram que a evento tinha futuro. “Ainda não conseguimos juntar todo o dinheiro que precisamos, mas não vai demorar muito”, torce Joana.

Depois de algum tempo, as amigas visualizaram que o espaço poderia ajudar também instituições sem fins lucrativos. As quatro meninas, com a ajuda das mães, firmaram parceria com duas ONGs, o Centro de Estudos Psicopedagógicos Pró-Saber e a Associação Maria Helen Drexel. As organizações não governamentais podem vender seus produtos no espaço do “Pop Camelô”, que já conseguiu formar um público fiel.

Os visitantes do “Pop Camelô” poderão encontrar ternos, camisetas, vestidos, roupas infantis, bijuterias, acessórios, livros, brinquedos, jogos e peças de decoração para a cozinha com preços que vão de 1 a 50 reais.

Serviço:
Bazar de Dia das Mães Pop Camelô
Dias: 04 e 05 de maio
Horário: das 10h às 19h
Forma de pagamento: dinheiro ou cheque
Local: Clube Paineiras do Morumbi (Av. Dr. Alberto Penteado, 605)
Entrada franca

Leia ainda:
12 ideias para fazer seu filho adolescente ajudar em casa
Os desafios da adolescência


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.