Livro da brasileira Suzy Giordano foi sucesso nos EUA e traz método prático para “ensinar” bebês a dormir. Leia entrevista com a autora

Suzy Giordano resume sua profissão:
Julie Napear Photography
Suzy Giordano resume sua profissão: "treino bebês para dormir durante a noite toda"

Suzy Giordano é mãe de cinco filhos e há quase vinte anos tem uma profissão bem específica. “Treino bebês para dormir durante a noite toda”, resume.

Vivendo em Washington DC, nos Estados Unidos, ela dá consultoria e treinamento para crianças de até oito anos de idade e assina, com Lisa Abidin (também mãe de cinco e ex-cliente de Suzy), “12 Horas de Sono com 12 Semanas de Vida”.

Leia também:
Cinco passos para a noite de sono perfeita
7 dicas para melhorar o sono de seu filho

O livro fornece um plano detalhado que promete levar os pais, na vida real, ao enunciado em seu milagroso título. Lançado no Brasil recentemente pela Zahar, “12 Horas de Sono” foi publicado nos Estados Unidos em 2006, merecendo destaque em vários jornais e emissoras de TV. Em entrevista ao Delas por e-mail, Suzy falou sobre sua experiência, seu livro e a importância de um bom sono, tanto para os bebês como para os pais. “Não é à toa que a privação do sono seja usada como forma de tortura”, diz.

iG: Como você chegou a seu método?
Suzy Giordano:
Comecei a desenvolvê-lo quando meus gêmeos nasceram, em 1989. Como mãe de cinco crianças, eu não podia me dar ao luxo de não ter um plano. Conforme observava os resultados, fiquei realmente convencida de quanto o método pode afetar o processo de criar um bebê e aumentar o prazer envolvido nisso.

iG: Qual é a porcentagem de eficácia dele?
Suzy Giordano: Eu costumo dizer que o método tem 100% de sucesso garantido, enfatizando que este sucesso depende grandemente – senão exclusivamente – dos pais.

iG: Quais são as vantagens de ensinar o bebê a dormir?
Suzy Giordano: O bebê desenvolve bons hábitos de sono – e um bebê descansado é um bebê mais feliz, mais fácil de cuidar, mais comprometido. Pais descansados são pais melhores. Todos da família se beneficiam, especialmente o bebê. Outra vantagem é que o nosso método não requer que o bebê chore sem parar.

Veja ainda:
Aumento de horas de sono está relacionado a picos de crescimento
25% das crianças sofrem de falta de sono

Livro ensina como fazer para que filhos durmam a noite toda
Divulgação
Livro ensina como fazer para que filhos durmam a noite toda

iG: Na sua opinião, quais seriam as qualidades essenciais de que os pais precisam para serem bem-sucedidos nesta prática?
Suzy Giordano: Paciência para ver os resultados, perseverança para trabalhar pelos objetivos e disciplina para ter um plano e executá-lo até o final.

iG: É possível descrever, resumidamente, como o método funciona?
Suzy Giordano: Nosso método é uma forma compreensiva para guiar o bebê por lições que você não pode aprender por ele. Seu bebê está tão preparado para aprender a dormir quanto para aprender a andar e falar. Mas, ao contrário de andar e falar, dormir é uma necessidade básica. Depois que seu bebê atinge o peso e a idade ideais, ele vai mostrar sinais de entrar em um ritmo natural de sono durante a noite e ser ativo durante o dia. Nosso método irá ajudá-lo a navegar por uma rota clara para alcançar o “nirvana do sono”.

iG: A maioria dos pediatras recomenda a mamada de três em três horas hoje em dia. Eles contestaram seu método? Como você entende esta questão?
Suzy Giordano: Eu tenho trabalhado com pediatras nos Estados Unidos durante os últimos 19 anos. Se você deixar o ritmo do bebê guiar os pais, verá que, ao atingir o peso ideal, a criança naturalmente entra no ritmo de quatro em quatro horas.

Sempre digo aos pais para, durante o dia, não alimentar o bebê antes de três horas da última mamada, mas deixá-lo ir mais longe, perto das quatro horas de intervalo. Aí, se ele ainda estiver dormindo, acorde-o.

À noite, digo para não alimentá-lo antes de três horas, mas deixá-lo ir tão longe quanto eles querem. Seguindo essa regra simples, o bebê vai seguir os intervalos de mamadas de quatro em quatro horas durante o dia e vai dormir períodos mais longos durante a noite.

iG: Quais são os erros mais comuns dos pais e como evitá-los?
Suzy Giordano: O primeiro é alimentar o bebê com muita frequência: os bebês precisam de tempo para digerir os alimentos. Nas primeiras semanas de vida, o bebê chora por outras razões além da fome.

iG: E em relação ao sono?
Suzy Giordano: Como o sono é uma necessidade básica para todo ser humano – e, antes de ser mãe ou pai, você é um ser humano – é fácil tomar decisões erradas depois de algumas noites de sono interrompido ou sem dormir. Todos nós acabamos fazendo isso, eu certamente fiz. O melhor é ter um plano de ação, como o descrito no livro.

Leia ainda:
A postura perfeita para dormir
Aumento de horas de sono está relacionado a picos de crescimento

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.